Menu
Domingo | 21/01/2018 « Voltar
Notícia . Política 28/11/2017
Governador falou para cerca de 400 pessoas na Sociedade Aliança depois da inauguração das obras da SC 110. Foto: James Tavares/Secom

Colombo destaca avanços que faz SC ser um Estado diferente

Um público de aproximadamente 400 pessoas acompanhou no sábado, na Sociedade Aliança, do Rio Cerro II, a palestra do governador Raimundo Colombo que ocorreu imediatamente após a entrega das obras de revitalização da Rodovia Wolfgang Weege. O governador falou sobre o momento econômico do Brasil e as conquistas de Santa Catarina. “Chegamos a 7,5% negativos no PIB nos últimos dois anos. Foi a maior crise desde 1930. Mas, os números mostram que estamos saindo da crise com a retomada do PIB em relação à inflação que baixou”, disse.

Mostrando gráficos, Colombo disse que o Governo do Estado adotou algumas medidas para conter a crise. “Não aumentamos impostos, pois seria injusto com os empresários e a população catarinense. Renegociamos a dívida com a União, o que nos deu um fôlego a mais, além de ajudar os outros Estados. E com apoio da Assembleia Legislativa, conseguimos reformar a Previdência”.

Colombo disse ainda que, com todos os esforços, foi possível manter empregos e ainda gerar mais nos últimos meses. “No primeiro trimestre, nossa taxa de desemprego era de 7,9%, já no segundo foi caindo para 7,5% e, no terceiro trimestre, chegamos à menor taxa do País, com 6,7%. Geramos 80% dos empregos no Sul do Brasil e 22% no País. É extraordinário”, comemorou Colombo. Ele também ressaltou o potencial turístico catarinense. “Antes as pessoas tinham a cidade do Rio de Janeiro como referência no turismo, mas com a criminalidade e a crise econômica, agora o destino é Santa Catarina”, citou.

Investimentos na região também foram revelados pelo governador

Três pontos importantes foram destacados pelo governador para melhorar a economia: aumento de 15% nas exportações, crescimento no setor têxtil e investimento em tecnologia e inovação. “Temos que apostar em inovação e fazer mais com menos, além das tecnologias que são desenvolvidas. O Centro de Inovação de Jaraguá recebeu investimento de R$ 6,2 milhões, e tem previsão de inauguração em março", disse.

Os incentivos fiscais para várias áreas e o Programa Juro Zero também foram apontados como importantes para o desenvolvimento econômico. “Foram R$ 637 milhões em incentivos fiscais que ajudaram a gerar 22 mil novos empregos diretos. Somente no setor têxtil da região, foram aplicados R$ 142,2 milhões para 76 indústrias, gerando 9,5 mil empregos. E para a produção de banana, os incentivos chegaram a R$ 1,5 milhão”, registrou.

O governador ainda destacou ações realizadas na região de Jaraguá do Sul como pavimentações e investimentos na saúde, educação (três novas unidades serão entregues em breve) e segurança pública. Os destaques foram para o Fundam, que investiu R$ 12,5 milhões nos cinco municípios, Cedup, Centro de Inovação e elevado da BR-280 em Guaramirim, está recebendo R$ 41,2 milhões de investimento e deve diminuir em 60% as filas que se formam no local.


« Voltar
Jornal do Vale do Itapocu - Tel.: (47) 3275-0633 | 3371-1182 - Rua 25 de Julho, 1936 - Jaraguá do Sul - SC Desenvolvido por Empresadois