Menu
Segunda-feira | 22/01/2018 « Voltar
Notícia . Geral 22/12/2017
Documento traz informações importantes que nortearão as ações de 12 municípios. Foto: Divulgação

Situação da água na região pode ficar crítica se nada for feito

O Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio Itapocu está concluído e foi entregue na semana passada pela equipe da Unisul, contratada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e financiado com recursos do Fundo Estadual de Recursos Hídricos. O Plano traz informações importantes, que vão nortear ações nos 12 municípios que fazem parte da Bacia.

As questões identificadas como prioritárias para a região envolvem a qualidade e disponibilidade de água, saneamento básico, as áreas legalmente protegidas, gestão dos recursos hídricos, educação ambiental e os riscos em eventos hidrológicos críticos.

Em um prognóstico de 16 anos, se nada for feito, a disponibilidade de água para todos os usuários pode ser crítica à deficitária, portanto, ações para reduzir a poluição do esgotamento sanitário, de efluentes industriais e animais e a redução no consumo da água são urgentes na bacia hidrográfica.

Mais da metade da água na Bacia do Itapocu é utilizado na irrigação do arroz, seguido pelo abastecimento público e a aquicultura, portanto, a adoção de sistemas eficientes na agricultura e a redução nas perdas no abastecimento público são duas ações identificadas pelo Plano que devem ser debatidas em curto prazo. A partir de 2018 o Plano servirá de base para as ações e normativas Comitê Itapocu.


« Voltar
Jornal do Vale do Itapocu - Tel.: (47) 3275-0633 | 3371-1182 - Rua 25 de Julho, 1936 - Jaraguá do Sul - SC Desenvolvido por Empresadois