Menu
Terça-feira | 23/10/2018 « Voltar
Notícia . Esportes 13/06/2018
Hélio Fenrich. Imagem: Divulgação

Alpinista Hélio Fenrich, de Jaraguá, conquista o monte Denali, no Alasca

O alpinista Hélio Fenrich, de Jaraguá do Sul, completou a subida ao monte Denali, no Alasca, com 6.190 m. A montanha é a mais alta da América do Norte e faz parte do "Projeto Sete Cumes". A conquista aconteceu após mais de nove horas de trajeto entre o último acampamento e o cume. Toda expedição durou 22 dias e teve clima extremo, com temperaturas que chegaram a marcar -30°C.

Desde 2015, quando deu a largada ao "Projeto Sete Cumes", o alpinista já conquistou também o Kilimanjaro, na África, o Elbrus, na Rússia, e o Aconcágua, na Argentina. Conforme Fenrich, o Denali, por enquanto, detém o título de mais difícil entre as montanhas já percorridas. “É totalmente diferente das outras. O desafio é muito maior por causa do frio e porque você caminha o todo tempo no glaciar de gelo”, explica.
Além disso, no Alasca, todos os equipamentos foram carregados pelo próprio alpinista. “Em outros locais, você contrata transporte até o campo base. No Denali não tem isso, é tudo sozinho. Então, no meu caso, tive que carregar 42 quilos extras”, comenta.

EVEREST - Fenrich inicia, agora, a preparação para subir o Everest, no Nepal. A montanha é a mais alta do da Terra, sendo que o pico está a 8.848 metros acima do nível do mar. Para a expedição, o alpinista busca apoios e patrocínios. Ele também pretende escrever um livro contando detalhes sobre as subidas ao Aconcágua, Elbrus, Kilimanjaro, Denali e outras montanhas na Bolívia e no Peru.


« Voltar
Jornal do Vale do Itapocu - Tel.: (47) 3275-0633 | 3371-1182 - Rua 25 de Julho, 1936 - Jaraguá do Sul - SC Desenvolvido por Empresadois