Geral

Acesso às antenas segue interditado devido as obras de pavimentação em Jaraguá do Sul

O valor global da proposta ficou em pouco mais de R$ 2,8 milhões.

21/06/2022

Por

Acesso às antenas segue interditado devido as obras de pavimentação em Jaraguá do Sul

Divulgação/PMJS

A Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, distribuiu nota, reforçando que o acesso ao Morro Boa Vista (antenas) está interditado ao público devido às obras de pavimentação em concreto da Estrada JGS 453 – Hilda Spezia. Por segurança, a interdição ocorre após a Chiesetta Alpina.

A Secretaria tem observado que muitas pessoas estão desrespeitando esta orientação, acessando o pico onde acontecem as obras, inclusive, depredando o guarda corpo provisório e se arriscando para tirar fotos na borda da estrutura. A via está recebendo obras dentro do projeto do Parque Morro Boa Vista.

A pavimentação do acesso ao morro da antena é aguardada há anos pelos praticantes do voo livre, pelas empresas que possuem seus equipamentos no morro e pela comunidade. Por conta da obra, a visitação não está aberta ao público. A extensão da obra de pavimentação é de 1.672 metros (percurso da Chiesetta Alpina até o topo onde ficam as antenas de transmissão e telecomunicação).

O valor global da proposta ficou em pouco mais de R$ 2,8 milhões. A obra conta com recursos de emenda parlamentar do deputado Carlos Chiodini, no valor de R$ 1 milhão. O restante será investido recursos próprios do Município. A execução está sendo feita pela Construtora Fortunato.

O projeto de pavimentação e estudo urbanístico para criação do Parque do Morro Boa Vista foi elaborado pela Associação dos Municípios do Vale do Itapocu (Amvali).

Mirantes, refúgios, calçada e escadaria também fazem parte do projeto

Durante a elaboração do projeto, a equipe de Engenharia e Arquitetura da Amvali analisou locais estratégicos para a construção de mirantes ao longo do trecho. Devido ao fato de ser uma obra de maior complexidade, considerando a dificuldade de acesso dos caminhões e serviços de execução, na maior parte o traçado segue o alinhamento (greide) existente, de forma a evitar excessivos volumes de cortes, aterros e contenções, proporcionando uma geometria dentro dos parâmetros de segurança, conforto e economia.

Todo o projeto contou com a equipe de topografia da Amvali, que atuou no levantamento topográfico, cadastral, altimétrico e perfil longitudinal, além de levantar pontos de escoamento superficial para o melhor dimensionamento da drenagem e exposição de rochas ou deslizamentos que dificultariam as obras naquele local ou necessitariam de adaptação de segurança prevista desde a concepção do projeto.

Além de quatro mirantes, o projeto também contempla o cálculo estrutural de contenção, um estacionamento, seis refúgios ao longo da estrada, calçadas e escadaria, em uma área total de 10.500 m2.

Em 2021, após o relatório e parecer final do Consórcio Intermunicipal de Gestão Pública do Vale do Itapocu (Cigamvali) sobre “Estudos de Mobilidade do Morro”, que buscou localizar área de interesse público, induzir a organização do condomínio das antenas, concessão de uso da rampa de voo livre, organização de acesso e mobilidade, a área de 231.542,78m2 foi declarada como de Utilidade Pública.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp! 

Notícias relacionadas

x