Mundo

Após afirmar que acordo de compra do Twitter estava temporariamente suspenso, Elon Musk volta atrás e afirma que “está comprometido com a compra”

Criada em 2006, a plataforma tem mais de 217 milhões de usuários mensais

13/05/2022

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Após afirmar que acordo de compra do Twitter estava temporariamente suspenso, Elon Musk volta atrás e afirma  que “está comprometido com a compra”

Divulgação

Após afirmar no início da manhã desta sexta-feira (13) que havia temporariamente suspendido a compra do Twitter, o dono da Tesla, Elon Musk afirmou que “ainda está comprometido com a compra” da rede social. As duas afirmações foram feitas no próprio Twitter.

Primeiro, Musk afirmou que detalhes sobre contas falsas ainda estão em discussão. 

“O acordo (para a compra) do Twitter está temporariamente suspenso por pendências em detalhes que sustentam que contas falsas de fato representam menos de 5% dos usuários”, afirmou, em um post na rede social.

Duas horas depois, publicou “Ainda comprometido com a compra”.

Após as mensagens, as ações da rede social caíram cerca de 20% nas negociações pré-mercado da bolsa de valores dos Estados Unidos, de acordo com a France Presse. 

O anúncio da compra do Twitter por US$ 44 bilhões, cerca de R$ 215 bilhões, foi feito no final de abril.

Criada em 2006, a plataforma tem mais de 217 milhões de usuários mensais.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp! 

Notícias relacionadas

x