Geral

Casarões históricos estão sendo restaurados em Jaraguá do Sul

Esses exemplares fazem parte do patrimônio histórico edificado – edital de apoio a projetos culturais

14/10/2021

Por

Casarões históricos estão sendo restaurados em Jaraguá do Sul

F.J.Brugnago

Quem circula pela região da Estrada Garibaldi, em Jaraguá do Sul, percebe obra no telhado de um belíssimo exemplar do casarão que faz parte do patrimônio histórico municipal e que em sua primeira etapa recebeu R$ 42 mil do Edital de Concurso 005/2018, da prefeitura/secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. É a Casa Milbratz. O edital contemplou, também, com o mesmo valor, o restauro da casa construída em enxaimel de Wigando Meier, a residência de Wilhelm Guenther e a Casa Mann, por meio de proponentes.

Esses exemplares fazem parte do patrimônio histórico edificado – edital de apoio a projetos culturais. Foram vários projetos contemplados, em áreas diversas, no montante de R$ 392.599,64, boa parte finalizados, ou em fase de finalização.

A restauração desses imóveis guarda parte da memória e da história de Jaraguá do Sul. Pela lei 1854/94, edificações típicas ou de valor histórico podem sofrer processo de tombamento compulsório, quando é de interesse da comunidade; ou voluntário, solicitado pelo proprietário. Uma vez tombado, o imóvel continua sendo dos proprietários, não se alterando o direito de propriedade, podendo ser vendido, alugado ou cedido, desde que não alteradas as suas características físicas.

Outra vantagem é a possibilidade de participação de editais para obter recursos para sua restauração e manutenção, seguindo critérios de preservação do estilo arquitetônico original. Outro aspecto econômico importante é a isenção tributária municipal sobre o imóvel. O tombamento também não é algo imutável, como acreditam muitas pessoas.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x