Geral

Coletivo e Delegacia da Mulher se unem à Procuradoria da Mulher de Jaraguá

Eles foram recepcionados na terça-feira (31) pela procuradora da Mulher

02/09/2021

Por

Coletivo e Delegacia da Mulher se unem à Procuradoria da Mulher de Jaraguá

Divulgação

A presidente do Coletivo Feminino de Jaraguá do Sul e região, Sandra Rissatto, e o titular da Delegacia da Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), Caléu Henrique Gomes de Mello, estiveram na Câmara Municipal para conhecer os trabalhos iniciados pela Procuradoria da Mulher, órgão do Legislativo instaurado no dia 19 de agosto. Eles foram recepcionados na terça-feira (31) pela procuradora da Mulher, Nina Santin Camello, e pela vice procuradora, Sirley Schappo.

Uma das responsabilidades da Procuradoria é a de levar a essas entidades as denúncias de violação de direitos das mulheres e procurar solução para esses casos. Por conta disso, o encontro serviu para as duas entidades, além de conhecerem a Procuradoria da Mulher, estreitarem os laços entre os órgãos. Mas não só isso. Também serviu para trocarem ideias sobre possíveis ações em conjunto, como palestras, campanhas e apresentações. Além do Coletivo Feminino e da DPCAMI, outros órgãos também podem ser acionados pela Procuradoria, como Ministério Público, Polícia Militar, Secretaria de Assistência Social, entre outros.

Todavia, Nina e Sirley explicaram aos dois convidados que também há casos em que elas precisarão dar orientação e apoio a questões cotidianas das mulheres do município, como em casos de procura por creche, direitos trabalhistas e procedimentos burocráticos no setor público, trabalho parecido com o que faz também o Coletivo Feminino. Como explica a presidente da entidade, Sandra Rissatto, em muitos casos uma conversa franca já é o bastante para solucionar muitos conflitos e fortalecer as mulheres.

O delegado Caléu Mello destacou que o que mais lhe chamou a atenção foi a praticidade da Procuradoria, que não se limita só às questões de violência contra as mulheres, mas também se dispõe a ajudá-las da forma mais ampla possível. “Na DPCAMI, nossa parte é estabelecer um canal direto de comunicação com as vereadoras Nina e Sirley e nos colocarmos sempre à disposição no que elas precisarem”, frisou.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x