Economia

Educação inovadora e sensível à nossa história, voltada ao empreendedorismo desde a sua fundação

Desde muito cedo os alunos são sensibilizados sobre conceitos como Empreendedorismo e Educação Financeira

25/07/2022

Por

Educação inovadora e sensível à nossa história, voltada ao empreendedorismo desde a sua fundação

GABRIEL VIERIA/NOVALE HUB

Mas a Educação, em Jaraguá do Sul, vai além da grade curricular tradicional e contém elementos únicos que conectam tradição à inovação. Desde muito cedo os alunos são sensibilizados sobre conceitos como Empreendedorismo e Educação Financeira. E não tinha como ser diferente na cidade considerada “oásis empresarial”. Aqui, o estímulo ao empreendedorismo e à inovação acontece por meio de aulas de robótica no Centro
de Inovação Novale Hub, espaço para o desenvolvimento de startups e empresas ligadas à Tecnologia e Inovação, e que recentemente ganhou o Ambiente de Robótica Lego, uma área especialmente destinada ao ensino.

Participam alunos de 6º ao 9º ano do ensino fundamental. O curso tem um total de 24 horas (distribuídas em oito encontros de três horas cada), é conduzido por professores do Sesi/Senai, no contraturno escolar, e inclui transporte, refeição e supervisão pedagógica específica. É uma oportunidade única em que os alunos unem teoria e prática enquanto desenvolvem o raciocínio lógico, a criatividade, o protagonismo e a capacidade de resolver problemas, além dos conceitos da robótica em si. As aulas de robótica existem desde 2017 e foram retomadas agora, após a pandemia, em um espaço totalmente renovado.

Dentre os 30 mil novos livros adquiridos em maio de 2022 para as escolas municipais, destaque para títulos sobre educação financeira e empreendedorismo destinados aos alunos do ensino fundamental.

No âmbito do empreendedorismo, por sua vez, os alunos são inspirados a partir da distribuição e acesso a livros sobre o tema. Dentre os 30 mil novos livros adquiridos em maio de 2022 para as escolas municipais, destaque para títulos sobre educação financeira e empreendedorismo destinados aos alunos do ensino fundamental. E o estímulo vai além da compra. Os novos exemplares permitem que as escolas coloquem em prática projetos especiais de leitura que transformam os professores em mediadores, realizando atividades que desenvolvam habilidades fundamentais nas crianças de hoje e essenciais para os profissionais do amanhã: a interpretação e a produção de bons
textos.

Os projetos são: “Minhas leituras, minhas memórias”, que engloba a leitura de clássicos da literatura mundial como Dom Quixote; “Professor leitor”, destinado aos professores da Educação Infantil; História e Geografia, que contemplou a compra de exemplares regionais de Santa Catarina; e Educação Financeira e Empreendedorismo,
para educar financeiramente as crianças desde a alfabetização, tornando-as adultos com consciência e autonomia financeira e inseri-las no universo do empreendedorismo, a partir da compra de materiais específicos sobre o tema.
Se por um lado a Educação de Jaraguá do Sul está à frente quando insere no cotidiano dos alunos temas como Educação Financeira, Robótica e Empreendedorismo, do outro ela não esquece a importância de apresentar às novas gerações a história, a cultura e os valores das pessoas que há muitos e muitos anos construíram nossa cidade.
Além das aulas de histórias, projetos paralelos como a restauração e a preservação de construções históricas contribuem e são parte desse processo.

Além de informação e conhecimento, ensinar a história do nosso povo faz parte de um importante processo de construção identitária e, principalmente, de preservação do orgulho que possuímos de termos nascido ou escolhido Jaraguá do Sul para viver. Mas na rede de ensino de Jaraguá do Sul isso ainda vai além dos livros e museus.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x