Geral

Encontro vai alinhar plano de emergência da Usina Bracinho

A Usina Bracinho existe desde 1931, sendo uma das mais antigas da Celesc em SC. A região ocupada pela hidrelétrica abriga também uma estação ecológica de 46 milhões de metros quadrados, com 12 saltos de água

30/10/2019

Por

Encontro vai alinhar plano de emergência da Usina Bracinho

A Celesc Geração marcou para o dia 20 de novembro, às 14h, um encontro no gabinete do prefeito Osvaldo Jurck para alinhar o plano de ação de emergência para a Usina do Bracinho, assim como detalhes finais do evento Programa Portas Abertas, do dia 23 de novembro. A Defesa Civil tem acompanhado de perto. A Usina Bracinho existe desde 1931, sendo uma das mais antigas da Celesc em SC. A região ocupada pela hidrelétrica abriga também uma estação ecológica de 46 milhões de metros quadrados, com 12 saltos de água.

A estação foi criada em 1984 e também é administrada pela companhia elétrica. Ela funciona com duas barragens situadas no Rio do Júlio e no 8º Salto, usadas para acumulação de água. Por meio de comportas, a água é levada para a barragem que fica no 1º Salto e serve para captação e transformação em energia. Segundo a Celesc, a unidade tem capacidade de 15 megawatts de potência, atendendo várias cidades da região. A Celesc Geração vai abrir as portas da Usina do Bracinho, para a comunidade.

Com entrada franca e apoio da Prefeitura de Schroeder, o Programa Portas Abertas vai acontecer pela primeira vez no dia 23 de novembro, entre 9h e 16h, com possibilidade inclusive de conhecer como é gerada a energia elétrica, incluindo peças históricas restauradas da época em que foi inaugurada. A programação será divulgada brevemente.

Notícias relacionadas

x