Jaraguá

Falta de medicamentos no Brasil continua preocupando Jaraguá do Sul

O município conta com uma lista de 200 tipos de medicamentos SUS disponibilizados na atenção básica, cerca de 10% estão em falta ou com baixo estoque

14/07/2022

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Falta de medicamentos no Brasil continua preocupando Jaraguá do Sul

Divulgação/PMJS

A alta procura está acentuando, ainda mais, a falta de medicamentos as farmácias públicas e privadas no país.  O problema continua na ausência de matéria-prima/insumos para a produção dos remédios, tanto os pediátricos, quanto os de adultos. E em Jaraguá do Sul não é diferente.

Segundo o gerente de Programas Irineu Pasold, o município conta com uma lista de 200 tipos de medicamentos SUS disponibilizados na atenção básica, cerca de 10% estão em falta ou com baixo estoque. Ele ressalta que a secretaria de Saúde está buscando alternativas para contornar a situação.

“A Central de Abastecimento Farmacêutico está trabalhando para repor os estoques, buscando parcerias, empréstimos de medicamentos até em outros estados. Tudo para evitar o desabastecimento, mas, o problema é geral, em todos os Estados”, pontua.

O secretário de Saúde Alceu Gilmar Moretti, ressalta o aumento considerável na demanda de usuários de medicamentos da rede pública em Jaraguá.

“Passamos de uma média de 17 mil usuários mensais, para mais de 20 mil. Todos os dias passam pelas farmácias básicas acima de mil pessoas”.

De acordo com Moretti, as compras e busca por fornecedores estão sendo monitoradas pela Central de Abastecimento Farmacêutico do município, assim como toda a equipe técnica orientada quanto à prescrição de medicamentos existentes nas farmácias SUS.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x