Educação

JDV Educação Massaranduba: Conheça CEI Aldolino Guesser

Entre os projetos desenvolvidos está o bichinhos do quinta, musicalização, jardim em movimento

20/10/2021

Por

JDV Educação Massaranduba: Conheça CEI Aldolino Guesser

Divulgação

“Arquitetos da Turma do Jardim”

No dia 28 de setembro foi entregue para secretaria de Educação a “planta” da casinha projetada pelos “Arquitetos da Turma do Jardim”. As crianças aguçaram a imaginação e a criatividade ao planejarem como será a casinha, seus detalhes, móveis e espaços. É importante destacar que a “planta” da casinha foi projetada com as crianças, afinal este será um espaço destinado a elas, às suas vivências.

Além da planta projetada pelas crianças, na ocasião também foi entregue a listagem dos materiais necessários para construção da casinha que será realizada no bosque da instituição. Esse movimento mobilizou a gestão do CEI, as professoras e as crianças da turma do Jardim. A iniciativa está vinculada ao Projeto Moradias: “Casas coloridas, moradas de alegria” coordenado pela professora Maira Aparecida D. Vinter e suas auxiliares de sala Gabriele W. Sikorsky e Isolde B. Saplinski.

A casinha será composta por cenários que de fato lembrarão uma casa e as interações que ali acontecem. Quantas experiências, explorações, apropriações de papéis sociais, descobertas e aprendizagens ocorrerão nesse espaço? A casinha e as interações que ali acontecerão, proporcionarão as crianças tempos e espaços para que elas possam, junto com seus pares, (re) produzirem de forma interpretativa a cultura, suas vivências com o outro e com o mundo.

“Plante e cultive uma árvore nativa”

No dia 21 de setembro, o CEI Padre Aldolino Guesser e o PE Recanto Alegre, em parceira com a Secretaria de Educação, Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente e Grupo Intersetorial de Educação Ambiental, celebraram o “Dia da Árvore” lançando o movimento “Plante e cultive uma árvore nativa”.

A ideia principal do movimento foi incentivar as famílias a plantar e a cultivar uma árvore com a ajuda da criança, buscando assim promover a conscientização ambiental e o cuidado com o meio ambiente, desde a infância. Na ocasião, a Equipe do CEI juntamente com as turmas do Jardim e Maternal apresentou o teatro “A árvore sem folhas” (de autoria de Fernando Alonso) e distribuiu as mudas das árvores para as crianças.

Jardim em Movimento

A professora de Educação Física, Jéssica da Silva, desenvolveu com a turma do Jardim a experiência “Brincando com os pés…”. Esta brincadeira, além de ser muito divertida, estimula o desenvolvimento de várias habilidades motoras e cognitivas, entre elas a coordenação óculo pedal.

Essa habilidade permite realizar ações que requerem o uso simultâneo dos olhos e dos pés. Nesta atividade, as crianças utilizaram a informação captada pelos olhos para guiar os pezinhos e a assim realizar a ação motora proposta, neste caso, apanhar e levar o tecido até o local indicado. Na atividade foram utilizados pedaços de tecido colorido (TNT) espalhados pela sala e um pneu para onde as crianças deveriam conduzir os tecidos.

Projeto: Bichinhos do Quintal – (Turma Maternal Misto)

O Projeto Bichinhos do Quintal, coordenado pela professora Juliana M. R. Jaroczinski e sua auxiliar de sala Simone J. Laffin, foi realizado na turma do Maternal Misto e surgiu da curiosidade de uma das crianças da turma. Em meio às experiências que foram propostas no projeto, as crianças puderam observar e manusear os bichinhos que encontraram no quintal e arredores do C.E.I (borboletas, besouros, minhocas, grilos etc.), aprendendo assim sobre suas características, seu habitat e alimentação. A turma também contou com a participação das famílias que coletaram os bichinhos e trouxeram para que as crianças pudessem manusear e conhecê-los de perto.

A musicalização proporcionando diferentes vivências

O Projeto de Musicalização (hora-atividade), coordenado pela professora Myllene H. F. Temporini, buscou explorar com as turmas do Berçário, Maternal e Jardim, o folclore. Em meio as diferentes atividades que foram desenvolvidas, as crianças puderam vivenciar um pouco de cada cultura, dentro de diversos segmentos.

Foram resgatadas com as crianças brincadeiras musicais e cantigas dos pais e dos avós bem como também apresentados a elas diferentes personagens folclóricos por meio das músicas e da literatura. O folclore sendo um tema tão amplo oportunizou explorar com as turmas o ritmo, a memória musical, a expressão corporal/social, a criatividade, a imaginação, a contação de histórias e a coordenação motora ampla.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp! 

Notícias relacionadas

x