Sem categoria

Morre Guilherme de Pádua, assassino da filha de Gloria Perez, diz pastor

A informação foi dada pelo pastor, que tinha Pádua como atuante em sua comunidade desde 2017

07/11/2022

Por

Editora, analista SEO e responsável pelo conteúdo que escreve. Atenta aos conteúdos mais pesquisados do país.

Morreu hoje o ex-ator e pastor batista, Guilherme de Pádua, aos 53 anos, vítima de um infarto, na cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais. A informação foi confirmada em live feita pelo pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha.

“Pouco antes das 22h, recebi o telefonema de uma irmã falando de um dos nossos pastores que acabou de falecer. Pra mim foi um impacto muito grande, porque hoje de manhã eu dirigi o culto e ele estava com a esposa no primeiro banco. Ele praticou aquele crime tão terrível com a Daniela Perez, foi preso, cumpriu a pena e se converteu. Ele tava dentro de casa, caiu e morreu. Acabou de morrer”, relatou Márcio, que apagou a publicação após a grande repercussão da informação.

Guilherme de Pádua nasceu em Belo Horizonte, em Minas Gerais, e se mudou para o Rio de Janeiro no final dos anos 1980. Ele decidiu fazer a mudança em razão do sonho de tentar seguir carreira no meio artístico.

Em 1992, Pádua interpretou o motorista Bira na novela “De Corpo e Alma” (TV Globo) e conheceu Daniella Perez, filha da escritora Gloria Perez. Na véspera da virada do ano, ele acabou chocando o país ao matar a filha da escritora e foi condenado a 19 anos de prisão pelo crime.

“Ele já estava conosco há 15 anos, e o trabalho pastoral dele era justamente cuidar de outros ex-detentos“, completou o pastor, que tinha Pádua como atuante em sua comunidade desde 2017.

 

Conteúdo original publicado por Splash UOL

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

 

Notícias relacionadas

x