Geral

Mulheres são as mais infectadas pela covid-19 em Guaramirim

A análise da Secretaria de Saúde traz os casos confirmados por faixa etária, sexo e por bairros.

01/12/2020

Por

Mulheres  são as mais infectadas pela covid-19 em Guaramirim

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou o perfil epidemiológico dos moradores que contraíram coronavírus (Covid-19) no município.

Até a manhã do dia 27 de novembro Guaramirim registrava 2.580 casos confirmados, sendo 2.430 recuperados, 114 em isolamento domiciliar, 14 internados e 22 óbitos em decorrência da doença.

Leia mais:

A análise da Saúde traz os casos confirmados por faixa etária, sexo e por bairros. Além disso, os dados da saúde fazem um compilado dos casos nas semanas de 28 de setembro a 22 de novembro.

A semana entre 16 e 22 de novembro foi o período em que mais foram registrados casos, um total de 282 pacientes confirmados com a doença.

Dos 2.280 casos positivos até então, 1.240 são do sexo masculino e 1.340 feminino.

A faixa etária com maior número de positivos para Covid-19 é de 30 a 39 anos com 605 confirmações, seguido pela faixa de 20 a 29 anos com 557 casos e 40 a 49 com 444 pacientes confirmados. 

A faixa etária de 50 a 59 anos, soma 290 casos. Entre as crianças e jovens, de 10 a 19 anos são 248 casos e de 0 a 9 anos são 246 casos.

A faixa etária de 60 a 69 anos totaliza 140 casos, de 70 a 79 são 61 confirmados, cinco confirmados de 80 a 89 anos com 17 casos e de 90 a 99 anos com dois casos.

Mais populosos, Centro e Avaí lideram o número de casos

Entre os bairros, o maior número de casos positivos vem do Centro com 412 confirmações, seguido por Avaí com 302, Corticeira com 252, Amizade com 185, Bananal do Sul e Rio Branco com 169, Ilha da Figueira com 158, Nova Esperança com 145, Caixa D’Água com 132, Guamiranga com 95, Beira Rio com 94, Escolinha com 88, Imigrantes com 82, Vila Amizade com 53, Quati com 39 casos, Recanto Feliz com 38 e Barro Branco com 32.

Os bairros Jacu-Açu e Ponta Comprida tem 25, Poço Grande 24, Tibagi com 21, Brüderthal com 9, Figueirinha e Putanga com 5 e Vila Carolina com um caso registrado.

Notícias relacionadas

x