Colunas

No Mundo da Lua

Aceita um café com gatos?

Pode parecer estranho para muitos, mas você sabia que no Brasil já existem cafeterias que adotaram o conceito Cat Coffee? Surgido na Ásia, mais precisamente no Japão, onde os bichanos circulam livremente pelas mesas e interagem com os humanos, essa nova tendência de mercado tem conquistado cada vez mais a parcela da população que se autodeclara apaixonada por gatos.

23/05/2019

Por

Calma! Vamos deixar claro aqui que a pergunta se refere a gatos de verdade, de quatro patas, e não a “galãs” que costumam arrancar suspiros por onde passam… Pode parecer estranho para muitos, mas você sabia que no Brasil já existem cafeterias que adotaram o conceito Cat Coffee? Surgido na Ásia, mais precisamente no Japão, onde os bichanos circulam livremente pelas mesas e interagem com os humanos, essa nova tendência de mercado tem conquistado cada vez mais a parcela da população que se autodeclara apaixonada por gatos. A ideia de aproximar pessoas e felinos de pequeno porte passou a ser adotada há cerca de cinco anos em terras tupiniquins, mais precisamente em Sorocaba (SP), porém atendendo as exigências sanitárias vigentes. Com isso, ao invés de andarem para lá e para cá entre os clientes, por aqui os miados e ronrons ficam concentrados em um espaço cercado de vidro, em ambiente agradável e intimista. Em suma, um reality show felino!

Graças à aceitação crescente que os gatos têm alcançado junto ao homo sapiens, e à consequente redução do preconceito contra eles, esse tipo de empreendimento se tornou um nicho de mercado, que tem tudo para se expandir Brasil afora. O gatil de vidro (ou “casa de vidro”) é instalado em espaço estratégico, de modo que a clientela possa observar a movimentação e as atitudes dos gatos entre si. Para os que amam gatos, o atrativo não poderia ser melhor e transmite certo ar de sofisticação e requinte. Seja saboreando um café fresquinho, um chá, ou um suco feito na hora, por exemplo, com inúmeras opções de doces e salgados finos. Outro detalhe é a decoração temática e a opção de adquirir peças personalizadas, de encher os olhos. E se você é do tipo que não se contenta em ficar apenas olhando, é até possível interagir com os gatinhos, desde que seguindo algumas regras, como não acordá-los, nem importuná-los. Dependendo do estabelecimento, algumas dessas “estrelas” são colocadas para adoção. Os que amam gatos garantem que frequentar esses locais permite desfrutar de uma sensação de leveza e bem-estar. Aos que buscam mercados inovadores para investir, fica a dica…

Notícias relacionadas

x