Geral

Panetteria do Posto Mime Matriz conquista Selo de Prevenção Covid-19

A empresa passou por um diagnóstico da situação com o objetivo de verificar como se adequou às novas normas e no cumprimento das rotinas estabelecidas pela legislação

09/10/2020

Por

Panetteria do Posto Mime Matriz conquista Selo de Prevenção Covid-19

As medidas de segurança, higiene e de prevenção à covid-19 implantadas pelo Posto Mime Matriz, principalmente no setor de alimentação da conveniência, foram reconhecidas pelo  Núcleo Empresarial de Panificação e Confeitaria da ACIJS. Essa é a primeira certificação do gênero para empresas do setor na região.

A consultoria de Boas Práticas na Prevenção da COVID-19,  teve a duração de 10 horas, de forma totalmente presencial, onde a empresa passou por um diagnóstico da situação com o objetivo de verificar como se adequou às novas normas e no cumprimento das rotinas estabelecidas pela legislação, além de receber um treinamento em todos os aspectos que envolvem o negócio e, ao final, foi realizada uma auditoria conduzida por profissionais do Senac em parceria com o Sebrae, para a obtenção do selo, que passará a identificar as empresas. O selo poderá ser afixado em local visível e utilizado nos materiais de divulgação, embalagens e nas redes sociais.

Para o gerente da filial do Mime, Aurelisio Vieira, o selo recebido é a certificação de que a rede está atuando efetivamente no combate ao coronavirus.  “É uma satisfação receber o Selo de Prevenção Covid-19 com 100% de aprovação da auditoria por cumprirmos todos os requisitos solicitados pelas instituições envolvidas. Essa certificação vem reforçar nosso compromisso com a segurança alimentar em combate ao coronavirus”, declarou Vieira.

Valdemir Michels, o Miro, líder do Núcleo de Panificação e Confeitaria, destaca que a participação das empresas no treinamento demonstra a responsabilidade do setor diante da pandemia. “É claro que essa é uma preocupação que precisa ser permanente, e as empresas desde o início da pandemia já vinham cumprindo as orientações dos órgãos públicos. Não significa que estaremos livres do vírus, mas quando nos capacitamos e cuidamos de todos os aspectos que envolvem o atendimento aos clientes, mostramos o quanto estamos cientes desta responsabilidade. Os clientes estarão seguros de que as empresas do setor seguem as normas e isso traz a credibilidade no mercado”, avalia, ao lembrar que o ramo de alimentação está entre os mais impactados pela crise ocasionada pelo novo coronavírus.

Notícias relacionadas

x