Estadual

Passo a passo para trabalho temporário para o Censo 2021

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou dois editais para os processos seletivos simplificados com 204.307 vagas temporárias destinadas à organização e coleta do Censo Demográfico 2021. São oferecidas 181.898 vagas para recenseador, 16.959 para Agente Censitário Supervisor (ACS) e 5.450 para Agente Censitário Municipal (ACM) em 5.297…

28/02/2021

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Passo a passo para trabalho temporário para o Censo 2021

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou dois editais para os processos seletivos simplificados com 204.307 vagas temporárias destinadas à organização e coleta do Censo Demográfico 2021. São oferecidas 181.898 vagas para recenseador, 16.959 para Agente Censitário Supervisor (ACS) e 5.450 para Agente Censitário Municipal (ACM) em 5.297 municípios do país.

As inscrições para Agente Censitário Municipal e Supervisor começaram na sexta-feira (19) e seguem até 15 de março pelo site do certame. A taxa de inscrição é de R$ 39,49. Já para as vagas de Recenseador, o prazo iniciou em 23 de fevereiro e vai até 19 de março, também no site da seleção. A taxa de inscrição é de R$ 25,77. No ato da inscrição, o candidato poderá escolher a área de trabalho e em qual cidade realizará a prova.

Leia mais

Para recenseador, o candidato deve ter nível fundamental completo. A remuneração será por produtividade e a jornada de trabalho recomendável é de, no mínimo, 25 horas semanais. Para ambas as funções de Agente Censitário é exigido ensino médio completo. A remuneração é de R$ 2.100 para Agente Censitário Municipal e de R$ 1.700 para Agente Censitário Supervisor, com jornadas de 40 horas semanais, sendo oito horas diárias. Os candidatos devem ficar atentos aos demais requisitos de cada função, descritos nos editais dos certames.

Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva prevista para ocorrer presencialmente no dia 18 de abril, para as funções de Agentes Censitários, e no dia 25 de abril, para a função de Recenseador, seguindo os protocolos sanitários contra a Covid-19. Essa diferença de datas permite ao candidato participar dos dois processos seletivos. As provas serão realizadas em todos os municípios onde houver vagas. O cronograma detalhado de ambos os processos seletivos está disponível nos editais e dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone 0800 536 4885. O resultado final está previsto para 27 de maio.

Provas serão em abril

A coleta do Censo 2021 vai acontecer em 5.297 municípios brasileiros. No ato da inscrição, o candidato poderá escolher a área de trabalho e em qual cidade realizará a prova. As vagas são temporárias e os contratos terão duração prevista de três meses para a função de recenseador e de cinco meses para ACM e ACS, podendo ser renovados de acordo com as necessidades do IBGE e a disponibilidade orçamentária.

Os recenseadores são os profissionais que visitarão todos os domicílios do país, entrevistando seus moradores. Eles serão remunerados por produtividade, de acordo com a quantidade de residências visitadas e pessoas recenseadas, considerando ainda a taxa de remuneração de cada setor censitário, o tipo de questionário preenchido (básico ou amostra) e o registro no controle da coleta de dados. No hotsite do Censo 2021 haverá um simulador em que os candidatos poderão estimar a remuneração a ser obtida, com base nos valores pagos por setor censitário nas diferentes localidades do país. A jornada de trabalho recomendável para os recenseadores é de, no mínimo, 25 horas semanais.

As vagas dos dois processos seletivos estão distribuídas entre 5.297 municípios de todos os estados do país. Nos municípios maiores e em áreas remotas, as vagas são oferecidas por áreas de trabalho específicas. Essas áreas podem abranger bairros, favelas, localidades de difícil acesso, aldeias indígenas ou comunidades quilombolas, por exemplo.  Por isso, o ideal é que os recenseadores aprovados no processo seletivo sejam moradores das próprias localidades onde vão trabalhar, para economia de custos com deslocamentos e maior produtividade nas visitas domiciliares.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x