Segurança

Polícia continua na investigação do feminicídio em Jaraguá do Sul

Segundo o delegado regional, Fabiano dos Santos Silveira, as investigações correm em sigilo e o suspeito identificado está sob investigação.

27/12/2020

Por

Polícia continua na investigação do feminicídio em Jaraguá do Sul

Correção: as crianças que estavam na casa da vítima eram, na verdade, sobrinhas de Thalia.

O autor do caso de feminicídio que aconteceu na noite da última quinta-feira (24), véspera de natal, em Jaraguá do Sul, ainda não foi preso. Ele é considerado foragido pela polícia.

O crime aconteceu na casa da própria vítima no bairro Rio Cerro I. A vítima de 23 anos, Thalia Ferraz, não resistiu ao disparo de uma arma de fogo no toráx, onde seu ex-companheiro e principal suspeito pelo crime, teria efetuado o disparo após invadir sua casa sob efeito de álcool, segundo testemunhas.

A vítima, foi sepultada no dia de Natal, 25 de dezembro, em Jaraguá do Sul.

Segundo o delegado regional, Fabiano dos Santos Silveira, as investigações correm em sigilo e o suspeito identificado está sob investigação.

Para quem tiver informações que ajudem na investigação e na denúncia do paradeiro do suspeito, podem ser feitas através do disque-denúncia 181 de maneira sigilosa e anônima.

 

Receba as notícias do JDV no seu WhatsApp!

Notícias relacionadas

x