Colunas

POLÍTICA & POLÍTICOS 27.06.2019

Acredite, se quiser – Lá pelos idos anos 70, o ator norte-americano Jack Palance apresentava um programa de TV mostrando bizarrices e fatos reais inacreditáveis. No Brasil era exibido pela TV Bandeirantes (hoje Band). Palance encerrava os programas com o bordão “acredite, se quiser”. A duplicação da BR-280 é um fato real, uma bizarrice (bravata) até, quando se ouve o supervisor do DNIT, Antônio Carlos Bessa, dizer que “há possibilidades” de grandes avanços até dezembro de 2020 (o prazo contratual é 2022) se houver dinheiro. Mas isso até João Bidu, o astrólogo mais amado do Brasil, sabe.

27/06/2019

Por

Nascido em Blumenau, 70 anos, 55 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul)

POLÍTICA & POLÍTICOS 27.06.2019

Acredite, se quiser – Lá pelos idos anos 70, o ator norte-americano Jack Palance apresentava um programa de TV mostrando bizarrices e fatos reais inacreditáveis. No Brasil era exibido pela TV Bandeirantes (hoje Band). Palance encerrava os programas com o bordão “acredite, se quiser”. A duplicação da BR-280 é um fato real, uma bizarrice (bravata) até, quando se ouve o supervisor do DNIT, Antônio Carlos Bessa, dizer que “há possibilidades” de grandes avanços até dezembro de 2020 (o prazo contratual é 2022) se houver dinheiro. Mas isso até João Bidu, o astrólogo mais amado do Brasil, sabe.

Cabides – Empregar ex-deputados em cargos de assessoria parlamentar com salários que variam de R$ 7 mil à R$ 30 mil não é exclusividade da Assembleia de SC, onde 12 não-reeleitos em 2018 encontraram abrigo em gabinetes dos partidos a que estão filiados. No Rio Grande do Sul nada menos que 15 deles estão aboletados no cabide de empregos oferecido pela Assembleia Legislativa gaúcha. E a conta? A conta fica por nossa conta, é claro.

Ave símbolo – O Brasil tem 20% das espécies de aves existentes no mundo. Em Santa Catarina estão 7% desse total. Neste fim de semana, em Balneário Camboriú, será escolhida a ave símbolo de SC. Não-oficialmente, o título é da araponga. A flor símbolo do Estado é a orquídea Laélia purpurata, por decreto de 1983 do ex-governador Esperidião Amin. A árvore símbolo é a Imbuia, reconhecida em lei estadual de 1984.

Ainda as armas – Com 12 votos favoráveis, 7 contrários e 4 abstenções, a Assembleia Legislativa aprovou requerimento do deputado Bruno Souza sobre o decreto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) que facilita porte de armas de fogo, direcionado ao Senado Federal e à Câmara dos Deputados, Souza pede aos que que votaram a favor da sustação do decreto que abram mão do porte para uso pessoal ou profissional, de segurança e escolta armada, comparando sua condição àquela imposta por eles ao resto da população.

Justificando – “Se as armas não servem para autodefesa, que abram mão dos seguranças e da sua polícia armada. Já que a população não pode ter acesso à sua autodefesa, com armas de fogo, que também o Senado não o faça, já que negaram à população esse direito”, disse Souza. Ivan Naatz (PV/ dir.na foto) lembrou que na AL também há seguranças armados. O petista (católico) Fabiano da Luz pediu mais debates sobre a Bíblia e Jesus que tentar resolver na bala.

Efeito zero – Jessé Lopes (PSL/esq. na foto) defendeu a proposta: “O PT gosta tanto de desarmar a população (referência ao Estatuto do Desarmamento aprovado pelo Congresso em dezembro de 2003 no primeiro mandato de Lula da Silva) e essa proposta trata exatamente disso: desarmar os senadores!”. Enfim, depois de muita falação, mandaram mais um pedaço de papel para o Congresso. O destino é a pilha de materiais recicláveis coletados por lá.

VONK no PSL – Ressaltando não ser pré-candidato a nenhum cargo político e que estreia sua vida político-partidária pensando apenas em somar na defesa dos interesses de Guaramirim (onde reside), o ex-comandante do 14º Batalhão da Polícia Militar de Jaraguá do Sul e ex-gerente de Trânsito do município, coronel Rogério Vonk, filiou-se ao PSL. Disse que a escolha pelo partido de Jair Bolsonaro se deu para que possa pôr em prática o que sempre defendeu: todas as pessoas de bem devem se envolver na política, sem dar espaços para os que, eventualmente, “não tenham as melhoras intenções relacionadas ao bem comum”. E por ser o PSL, partido de direita, defensor do direcionamento total dos recursos arrecadados para saúde, educação e segurança”. Fazendo diferente e melhor.

Filtrando – A orientação nacional do Partido Novo, se mantida ao pé da letra, castra pretensões de muitos pré-candidatos a prefeito e vereador em 2020. “Preferencialmente” em cidades com mais de 300 mil habitantes e diretórios organizados com no mínimo 150 filiados ativos. Com todos submetidos a um processo seletivo, como o PT fazia no passado. Jaraguá do Sul tem cerca de metade da população sugerida e o Novo em processo de constituir diretório.

No PSB – Marcio França, ex-governador de São Paulo (era o vice do tucano Geraldo Alckmin) vem a Florianópolis amanhã (28) como convidado de reunião do quase moribundo PSB catarinense, no plano nacional um aliado do PT desde 1989. Na Câmara dos Deputados é oposição ao governo de Jair Bolsonaro (PSL). Agora a ideia é constituir diretórios em todos os municípios com mais de 20 mil eleitores, olhando para a eleição municipal de 2020.

Notícias relacionadas

x