Santa Catarina

Potes de requeijão fraudados são encontrados em mercados de SC durante operação nacional

Ministério da Agricultura identificou potes de requeijão de diferentes marcas com o conteúdo adulterado em nove estados

12/05/2023

Alimentos fraudados que estavam à venda em mercados de Santa Catarina foram encontrados durante uma operação do Ministério da Agricultura em nove estados. Conforme o balanço divulgado nesta quarta-feira (10), potes de requeijão de diferentes marcas estavam com o conteúdo adulterado e foram recolhidos pelas equipes da ação.

De acordo com a diretora do departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, Ana Lúcia Viana, nove amostras de requeijão coletas pelo Brasil apresentaram aditivo de amido, ingrediente que não está previsto na fórmula do produto. A quantidade representa 5% do material fiscalizado.

— Amido estava sendo adicionado sem a devida comunicação ao consumidor. Somente a mistura de requeijão e amido pode ter esse ingrediente, conforme está previsto no regulamento técnico de identidade e qualidade e desde que esteja devidamente previsto no rótulo — explica a diretora.

No total, foram coletadas 180 amostras em 66 estabelecimentos nacionais. A ação aconteceu no Ceará, em Goiás, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Para cada produto irregular, o Ministério da Agricultura adotou medidas cautelares junto ao estabelecimento produtor, como apreensão cautelar de lotes e autuação em processo administrativo específico.

A fraude por adição de amido em requeijão é caracterizada como fraude econômica, ou seja, não correspondia com o que estava declarado no rótulo do produto.

— Não é uma questão de saúde pública, não causa nenhum risco para a saúde do consumidor. Mas, é uma fraude econômica porque não está declarado no rótulo e o consumidor não sabia que ele estava consumindo um produto de uma qualidade inferior — esclarece Viana.

Como a operação ainda está em curso e o processo administrativo segue em andamento, as marcas com conteúdo adulterado ainda não foram divulgadas pelo Ministério.

 

Conteúdo postado por NSCtotal

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsAp

Por

Estudante da 5ª fase de Design, curiosa por natureza e apaixonada pelo que faz.

Notícias relacionadas

x