Geral

Rede de Atenção às Vítimas da Violência é reativada em Jaraguá do Sul

O objetivo é dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Conselho Tutelar, Polícia Civil e Polícia Militar

13/07/2022

Por

Rede de Atenção às Vítimas da Violência é reativada em Jaraguá do Sul

Divulgação

O Poder Público Municipal, por meio da Secretaria de Saúde, reativou a Rede de Atenção Integral às Vítimas de Violência em Jaraguá do Sul, a chamada Comissão da Violência. A primeira reunião do grupo ocorreu na quarta-feira (6). O objetivo é dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Conselho Tutelar, Polícia Civil e Polícia Militar, formando uma rede de proteção e garantia de direitos.

Segundo o Diretor da Vigilância em Saúde ,Dalton Fernando Fischer, para que as ações de atenção a vítimas de violência ocorram de forma integrada e sem sobreposições, “é necessário que as situações sejam identificadas e informadas aos locais competentes, de modo que as pessoas sejam atendidas conforme suas especificidades (idade, sexo, gênero e legislação) e as ações sejam coerentes com a função de cada órgão, unidade ou serviço envolvido no processo”.

Para melhorar a comunicação de situações de violência em Jaraguá do Sul foi criado em 2011, por iniciativa da equipe de Vigilância em Saúde, um grupo de trabalho para debater formas de promover a notificação deste tipo de situação via Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), a fim de caracterizar o fenômeno e possibilitar intervenções mais eficientes nas organizações onde elas são identificadas.

Na primeira reunião foi reforçado o histórico da comissão desde a sua criação, feita uma avaliação sobre as notificações baseadas no Sinan e uma troca de informações e experiências dos profissionais durante todo o período de pandemia nos diversos serviços. Os encontros deverão ocorrer periodicamente.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x