Especiais

Rede Feminina de Guaramirim lança campanha de coleta de água de coco

Para marcar a data, a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Guaramirim lançou uma campanha de arrecadação de água de coco, que é considerada uma bebida isotônica natural

05/02/2020

Por

Rede Feminina de Guaramirim lança campanha de coleta de água de coco

O câncer de mama é o que mais afeta as mulheres brasileiras e, quanto mais cedo for descoberto, maiores são as chances de cura. No mês em que se comemora o Dia Nacional da Mamografia (5 de fevereiro), a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) alerta que a mamografia preventiva, ou de rastreamento, não evita o surgimento do tumor, mas é o exame mais eficiente para detecção do câncer de mama ainda não-palpável clinicamente (com menos de 1 cm), que apresenta alto índice de recuperação se for tratado adequadamente.

Usada para diagnosticar o câncer de mama, a mamografia é um exame não invasivo que captura imagens do seio feminino com o mamógrafo. Esse é um aparelho que usa a mesma radiação do raios-x tradicional, mas os feixes são projetados levando em conta a anatomia das mamas.

Para marcar a data, a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Guaramirim lançou uma campanha de arrecadação de água de coco, que é considerada uma bebida isotônica natural. A sua ingestão possibilita a reposição dos minerais que se perdem por meio da urina e da pele. É ideal para repor o líquido perdido em casos de desidratação, ou para perfazer os dois litros de líquidos diários que devem ser ingeridos pelos pacientes em tratamento quimio ou radioterápico.

Postos de arrecadação foram instalados em três cidades

A Rede implantou três pontos de coleta de água de coco. Em Guaramirim é junto à sede, na Rua 28 de Agosto, próxima da estação ferroviária; em Schroeder é no Laborsad e, em Massaranduba, no Supermercado Bogo. Os doadores preenchem os dados e no dia 2 de março será feito o sorteio de 15 mamografias exclusivas para mulheres residentes em Guaramirim, Schroeder e Massaranduba, com requisição médica para o exame e com mais de 40 anos. A mamografia possibilita o diagnóstico do câncer em seu estágio inicial e com a detecção precoce aumenta a possibilidade de cura. A água de coco levantada na campanha será doada às pacientes em tratamento, para reposição do líquido, principalmente quando ocorrem as náuseas.

Notícias relacionadas

x