Geral

Rede Feminina de Jaraguá do Sul recebe a primeira moção de aplauso da Câmara

Eles lembram que a RFCC já impactou positivamente na saúde e na vida de milhares de mulheres que já foram ou estão acometidas pelo câncer

20/07/2021

Por

Rede Feminina de Jaraguá do Sul recebe a primeira moção de aplauso da Câmara

A Rede Feminina de Combate ao Câncer recebeu a primeira moção de aplauso aprovada pela Câmara de Vereadores na forma de diploma. Esta é a primeira moção de aplauso no novo formato desde a sua promulgação em 28 de maio deste ano.

Leia mais:

A presidente da Rede Feminina, Márcia Silveira, a vice-presidente Michele Soutes e a tesoureira Juliana Segala receberam o diploma das mãos dos autores da proposição, a vereadora Nina Santin Camello e do vereador Onésimo Sell. Os vereadores argumentam que a instituição “está à frente de projetos importantes e conta com aproximadamente 100 voluntários e colaboradores, que estão a serviço não só dos pacientes, mas também da comunidade em geral”.

Eles lembram que a RFCC já impactou positivamente na saúde e na vida de milhares de mulheres que já foram ou estão acometidas pelo câncer. A organização é filantrópica, de âmbito nacional e existe desde 1946, mas em Jaraguá do Sul foi fundada no dia 5 de maio de 1987. Desde 1988 ela é reconhecida como de utilidade pública pelo Município.

Segundo Nina, a entidade realiza cerca de 500 exames preventivos de colo de útero e de mama por mês, prestando orientação, suporte e apoio às mulheres e seus familiares. “Pois na hora em que a mulher recebe a notícia de que será retirado um seio seu, a gente se sente mutilada e muito fragilizada. E a Rede Feminina tem realizado o trabalho de acolhimento dessas mulheres. Eu não tenho palavras para agradecer a todas que lá estão”, ressalta.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x