Tecnologia

Samsung revela linha Galaxy S23 com câmera poderosa; saiba mais

A tela do Galaxy S23 Ultra vem com uma curvatura reduzida para criar uma superfície maior e mais plana com o objetivo de melhorar a experiência visual

03/02/2023

Por

Em seu evento anual Unpacked na quarta-feira, a Samsung revelou seus mais recentes smartphones Galaxy S – e a empresa está apostando que o foco em melhorias na câmera será suficiente para fazer os consumidores atualizarem.

A nova linha, que inclui o Galaxy S23 Ultra de 6,8 polegadas, o Galaxy S23+ de 6,6 polegadas e o Galaxy S23 de 6,1 polegadas, é semelhante aos modelos do ano passado, mas com novos recursos fotográficos, uma bateria mais duradoura (com velocidades de carregamento mais rápidas) e um chip exclusivo.

Mas o recurso de destaque é a nova câmera.

O S23 Ultra de última geração apresenta pela primeira vez um novo sensor de pixel adaptável de 200 MP que suporta vários níveis de processamento de alta resolução ao mesmo tempo, permitindo o que a empresa chamou de “qualidade fotográfica de resolução sem precedentes nunca antes vista em uma câmera de smartphone”.

Os novos telefones oferecem estabilização aprimorada de foto e vídeo, Nightography para fotos e vídeos (permitindo a capacidade de capturar fotos em situações de pouca luz) e um novo algoritmo de processamento de sinal de imagem com inteligência artificial que aprimora os detalhes do objeto e o tom da cor.

A Samsung também apresentou sua primeira câmera selfie Super HDR, saltando de 30 quadros por segundo para 60 quadros por segundo, para melhores imagens e vídeos frontais.

As câmeras do Galaxy S23+ e do Galaxy S23 têm até um novo visual sutil: a caixa de contorno foi removida, o que a Samsung disse que marca uma nova era de design.

A tela do Galaxy S23 Ultra vem com uma curvatura reduzida para criar uma superfície maior e mais plana com o objetivo de melhorar a experiência visual.

Seu recurso de conforto aprimorado permite que os usuários ajustem tons de cores e níveis de contraste e diminuam o cansaço visual à noite.

Sua ferramenta de reforço de visão também recebeu uma atualização para reduzir ainda mais o brilho.

Antes do evento, Jude Buckley, vice-presidente executivo de negócios móveis da Samsung Electronics America, disse à CNN que sua estratégia continua sendo a vanguarda da inovação em câmeras.

“Tentamos possuir algumas coisas realmente exclusivas, e a câmera é uma das coisas que temos que ficar bem à frente”, disse ele.

O lançamento ocorre no momento em que a Samsung e outras empresas de tecnologia enfrentam uma incerteza econômica mais ampla que pode levar os consumidores a repensar seus gastos.

As remessas globais de smartphones caíram 18% no quarto trimestre de 2022, de acordo com a empresa de pesquisa de mercado Canalys.

No início desta semana, a Samsung informou que seus lucros trimestrais caíram para o nível mais baixo em oito anos, com os clientes comprando menos smartphones e laptops. Sua receita também caiu 8% em relação ao ano anterior.

Embora a empresa mantenha os preços iguais aos do ano anterior, ela deve convencer os clientes a desembolsar até quatro dígitos por sua nova linha de telefones em um mercado difícil.

O Galaxy S23 Ultra, que vem com a caneta S exclusiva da Samsung, custará a partir de US$ 1.199,99 (cerca de R$ 6 mil) enquanto o Galaxy S23+ começa em US$ 999,99 (cerca de R$ 5 mil) e o Galaxy S23 começa em US$ 799,99 (cerca de R$ 4 mil).

A nova linha, disponível para pré-encomenda a partir de quarta-feira, vem em quatro cores foscas: preto, creme, verde e lavanda. Outras cores, como limão, grafite, azul celeste e vermelho, estarão disponíveis para compra diretamente no Samsung.com.

A empresa também exibiu seu mais recente carro-chefe da série Galaxy Book3 para PC: o sofisticado Galaxy Book3 Ultra (US$ 2.399,99 – cerca de R$ 12,1 mil); o Book3 Pro 360 (US$ 1.899,99 – cerca R$ 9,4 mil) – apresentando um fator de forma conversível 2 em 1 com funcionalidade S Pen; e o Galaxy Book3 Pro (US$ 1.449 – cerca de R$ 7,3 mil), um laptop fino em forma de concha.

Embora os novos recursos da linha S23 possam não ser revolucionários, alguns podem ressoar com seus usuários leais e manter a Samsung competitiva no mercado.

“A família Galaxy S23 demonstra como é difícil contar uma nova história no mercado atual de smartphones”, disse Leo Gebbie, analista principal da CCS Insight.

“Os dispositivos mais recentes da Samsung são, sem dúvida, impressionantes, mas a ênfase em melhorias nos recursos da câmera e na duração da bateria não é novidade”.

Eles ressaltam a dificuldade que a Samsung e outros fabricantes de telefones têm em encontrar maneiras genuinamente novas de promover e vender seus produtos.

David McQueen, diretor de pesquisa da ABI Research, disse que os fabricantes continuam distribuindo atualizações incrementais, em vez de esperar dois anos para lançar um novo dispositivo impactante, porque “o mercado se move muito rapidamente agora”.

“As empresas precisam ser vistas como fornecendo novos dispositivos com a tecnologia mais recente, não importa o quão imperceptível seja a atualização, para sobreviver”, disse ele. Samsung concorda.

Buckley disse à CNN que, embora algumas atualizações sejam maiores que outras, ela precisa ficar por dentro das últimas tendências para se manter competitiva.

“Nossa herança é a tecnologia, e temos um concorrente muito feroz que fez um trabalho incrível ao longo de muitos e muitos anos”, disse Buckley, em uma aparente referência à Apple.

“E se sua tecnologia, se sua proposta de valor for baseada em tecnologia, você sempre deve estar na vanguarda.

Conteúdo original publicado por CNN

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVDigital

Notícias relacionadas

x