Geral

Secretaria de Assistência Social e Habitação fecha 2021 com mais de 37 mil concessões em Jaraguá

As concessões do ano passado representam um acréscimo de 25,22% em relação a 2020

18/01/2022

Por

Secretaria de Assistência Social e Habitação fecha 2021 com mais de 37 mil concessões em Jaraguá

Divulgação PMJS

A secretaria de Assistência Social e Habitação de Jaraguá do Sul, responsável pela liberação e pelas políticas públicas destinadas a pessoas em situação de vulnerabilidade, fechou 2021 com 37.648 concessões, num investimento de R$ 5.286.510,50. As concessões do ano passado representam um acréscimo de 25,22% em relação a 2020, quando foram registradas 30.065, totalizando R$ 4.507,511,50. Os dados são do setor de Planejamento e Vigilância Socioassistencial, a partir dos Registros Mensais de Atendimento (RMAs).

“Comparado, o total concedido em 2021 é 186% maior que em 2019 e 129% a mais em relação a 2020, num reflexo direto da redução de jornadas de trabalho e salários das famílias, além de aumento no nível de desemprego”, explica o secretário André de Carvalho Ferreira. Um cenário em que, para muitas famílias, trata-se do único recurso.

Os benefícios eventuais, previstos pela Lei Municipal nº 7.870/2019 são divididos em Auxílio-cidadão, funeral, natalidade, passagem e aluguel. Destes, o Auxílio-cidadão, que envolve demanda sobre insegurança alimentar, é o mais solicitado historicamente. Famílias com até meio salário mínimo de renda per capita e em situação de risco e vulnerabilidade social têm direito. Os valores, de R$ 110,32 ou R$ 187,54 devem ser utilizados na compra de gêneros alimentícios e produtos de higiene e limpeza, em mercados credenciados.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x