Trânsito

Sete das oito vítimas do trágico acidente em São José dos Pinhais eram jovens

Vítima mais nova a perder a vida foi um homem de 18 anos. 

03/08/2020

Por

Sete das oito vítimas do trágico acidente em São José dos Pinhais eram jovens

O trágico acidente envolvendo 22 veículos em um engavetamento na BR-277 na noite deste domingo (2), em São José dos Pinhais, no Paraná tirou a vida de oito pessoas. Sete delas eram jovens entre 18 a 28 anos. 

A identidade das vítimas foi divulgada pelo Instituto Médico Legal (IML) na tarde desta segunda-feira (3).

Leia mais:

Segundo o órgão, as pessoas que vieram a óbito são:

  • Ester Nunes de Oliveira (19 anos, de São José dos Pinhais)
  • Jessica Nunes de Oliveira (22 anos, de São José dos Pinhais) – irmã de Ester…
  • Fernando Jaroz Mendes (18 anos, de Curitiba) – marido de Ester.
  • Jessica de Souza (22 anos, de Curitiba)
  • Lucas Moreira (24 anos, de Curitiba)
  • Guilherme Henrique Ribas de Oliveira (28 anos, de Curitiba
  • Jurema Elvira Ferreira dos Santos (52 anos, de Curitiba)
  • Emanueli de Fátima Ferreira dos Santos (23 anos, de Telêmaco Borba) – morreu no hospital.

As irmãs Jéssica Oliveira, 22 anos, e Ester Nunes, 20 anos, assim como Fernando Jaroz, 20, estavam no acostamento e foram atropelados pelo caminhão, último envolvido no acidente.

Ester e Fernando eram casados e tinham deixado a filha deles, uma bebê, na casa da avó materna, minutos antes do engavetamento.

Leia também:

O pai das meninas que dirigia um Renault Clio não ficou ferido.

Em uma publicação nas redes sociais, a família disse que os jovens e o pai das garotas, estavam indo para uma vigília quando o engavetamento aconteceu. 

O acidente

Uma fumaça causada por uma queimada e forte neblina ocasionaram o engavetamento no km 76 da BR-277. Devido a pouca visibilidade, alguns motoristas se envolveram em uma colisão e ficaram parados na estrada. 

Neste momento, alguns motoristas e ocupantes chegaram a deixar os veículos. Porém, um caminhão que seguia pela pista não viu os carros e não conseguiu frear a tempo. O motorista atingiu os carros que estavam parados e atropelou as pessoas que estavam na via. 

Entre os carros envolvidos no acidente, estava um veículo da Polícia Militar. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, 26 pessoas ficaram feridas, sendo que a maioria delas apresentaram ferimento leves. Sete vieram a óbito no momento exato da batida. Uma delas não resistiu e morreu no hospital. 

A pista foi interditada em ambos o sentidos. 

Além da PRF, participaram do atendimento às vítimas equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e a empresa concessionária Ecovia, responsável pelo trecho. A rodovia foi liberada às 4h40 da madrugada desta segunda-feira (3)

Uma investigação preliminar para descobrir mais detalhes  sobre o acidente será realizado nos próximos dias. O motorista do caminhão e testemunhas envolvidas serão ouvidas. A investigação deve ser finalizado até o próximo sábado (8). 

 

Notícias relacionadas

x