Geral

Sete semáforos adaptativos entram em operação em Jaraguá do Sul

Fluxo do trânsito em cruzamentos é adaptado automaticamente

10/05/2022

Por

Sete semáforos adaptativos entram em operação em Jaraguá do Sul

F.J. Brugnago

A empresa DATAPROM, contratada pela Prefeitura de Jaraguá do Sul, colocou em operação todos os semáforos adaptativos, que tiveram o grande teste no final de semana, com a movimentação intensa na cidade. Os equipamentos funcionam em sete cruzamentos de maior movimentação da cidade.

De acordo com o secretário de Planejamento e Urbanismo, Eduardo Bertoldi, os investimentos na modernização e automação do sistema de trânsito, são iniciativas que ajudarão a tomar Jaraguá do Sul uma cidade inteligente, onde diferentes sensores eletrônicos coletam dados que são usados para gerenciar otimizar os recursos.

Conforme a empresa, esse sistema é um conjunto de controladores semafóricos DP40-A, acompanhados de modernas câmeras de controle de tráfego e placas de comunicação capazes de processar essas imagens e enviá-las aos controladores. Ele automatiza o ajuste nos tempos semafóricos, dando prioridade à via com maior demanda sem a necessidade de ação humana.

O contrato como um todo prevê a instalação de 14 pontos na cidade. Jaraguá do Sul tem 68 semáforos. A partir do segundo semestre, inicia-se o estudo para instalação nos demais sete pontos.

Fluxo do trânsito em cruzamentos é adaptado automaticamente

Conforme a empresa DATAPROM, o modo ‘adaptativo centralizado’ parte do princípio da definição do valor do headway entre os veículos – tempo entre eles. E o tempo de distância é percebido por sensores – no caso laços de vídeo detecção. Essa informação é levada ao controlador semafórico DP40-A da DATAPROM, que calcula e organiza esse fluxo automaticamente. Esse sistema não tem função fiscalizatória.

O diretor de Trânsito e Transportes, Gildo Martins de Andrade Filho, destaca que a instalação dos equipamentos tem como finalizada a redução das filas provocadas nos cruzamentos. “As pessoas vão sentir essa diferença no dia a dia, sendo que a ideia é fazer que o motorista passe menos tempo parado no trânsito”, comenta. Além de desafogar o trânsito, o sistema será bom para o meio ambiente, pois reduz a emissão de gases poluentes.

Para definir os locais de instalação, os técnicos da Prefeitura e da DATAPROM verificaram a demanda após um mapeamento e contagem dos veículos.

Os sete pontos que já receberam a tecnologia são os seguintes:

  • Rua João Planinscheck x João Januário Ayroso
  • Rua Presidente Epitácio Pessoa x Bernardo Grubba
  • Rua João Planinscheck x Expedicionário Antônio Carlos Ferreira
  • Rua Coronel Procópio Gomes de Oliveira x Reinoldo Rau
  • Rua Domingos Rodrigues da Nova x Coronel Procópio Gomes de Oliveira
  • Rua Olívio Domingos Brugnago x 25 de Julho
  • Rua Coronel Procópio Gomes de Oliveira x Bernardo Dornbusch

Iniciativa prevê a integração semafórica e a “onda verde”

Nos últimos meses, a DATAPROM tem trabalhado em um mapeamento completo das programações semafóricas de Jaraguá do Sul. O estudo foi necessário para definição dos pontos em que havia necessidade de novas programações e a centralização do sistema dentro do Antares, software que é o responsável por integrar todas as nossas soluções.

No caso de Jaraguá do Sul, o software Antares permitirá a integração de até 80 controladores semafóricos – contemplando a gestão inteligente de todos os cruzamentos já semaforizados da cidade.

O trabalho também permitiu criar a famosa onda verde no município em seis corredores. Esse termo define as vias em que os semáforos são ajustados de modo a garantir um fluxo constante dos veículos dentro da velocidade média permitida na via. Esse projeto faz parte de um contrato celebrado pelo Município de Jaraguá do Sul com o consórcio formado entre a DATAPROM e empresa WH Sul, que será responsável pela manutenção desse sistema durante os próximos cinco anos.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x