Estadual

STJ arquiva inquérito contra Carlos Moisés na compra dos 200 respiradores

As investigações retornam para a Justiça estadual

15/04/2021

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

STJ arquiva inquérito contra Carlos Moisés na compra dos 200 respiradores

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) solicitou o arquivamento do inquérito contra o governador afastado Carlos Moisés (PSL).

Leia mais

A investigação era para apurar supostos ilícitos na compra emergencial pelo estado, de 200 respiradores por R$ 33 milhões junto a Veigamed, com suposto sobrepreço.

“Todas as diligências e técnicas investigativas empregadas na tentativa de elucidar os fatos não foram aptas a colher elementos que permitam a conclusão suficientemente segura para concluir pela participação do governador nos crimes apurados, razão pela qual o inquérito deve ser arquivado em relação a Carlos Moisés da Silva”, diz o despacho.

Com isso, as investigações retornam para a Justiça estadual (confira o despacho completo aqui). 

“Há coinvestigados que não detém foro por prerrogativa de função neste Tribunal, de modo que estes autos e aqueles que veiculam pretensões relacionadas aos fatos objeto deste inquérito devem retornar ao juízo de primeiro grau, para que este analise, dentro da competência que lhe é própria, a legitimidade do prosseguimento das investigações e dos procedimentos correlatos”.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x