Guaramirim

Suspeito de atentado contra ambientalistas em Guaramirim é alvo de mandado de busca e apreensão

O ataque aconteceu no dia 28 de junho

29/07/2022

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Suspeito de atentado contra ambientalistas em Guaramirim é alvo de mandado de busca e apreensão

Germano Woehl/Arquivo Pessoal

Um homem de 38 anos, suspeito de envolvimento no atentado contra um casal de ambientalistas em Guaramirim, foi alvo de um mandado de busca e apreensão nesta quarta-feira (27).

Segundo a Polícia Civil, o celular do suspeito foi apreendido e será analisado. O ataque aconteceu no dia 28 de junho na região do Brüderthal.

A residência de Germano Woehl Junior e Elza Nishimura Woehl, além das placas que indicam área RPPN reconhecida pelo governo federal, foram atingidas a tiros.

A identidade do investigado não foi divulgada. Segundo o delegado Eric Uratani, as vítimas e outras testemunhas foram ouvidas e apresentaram informações sobre que já teria se envolvido em atritos anteriores com o casal.

“Ele [suspeito] residia lá, mas a informação era de que há havia saído. De qualquer forma, foi dado o cumprimento porque havia um quarto dele, mas nada foi encontrado”, disse o delegado.

Além da perícia no celular, Uratani deve começar a ouvir outras pessoas para levantar todas as linhas de investigação.

O ataque aconteceu à noite e a Polícia Militar foi acionada após o atentado.  A PM lavrou um boletim de ocorrência. As capsulas dos disparos roam recolhidas para investigação.

Germano e a esposa Elza, residem na mesma casa desde 1994, onde também funciona uma ONG para educação ambiental.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x