Sem categoria

Técnicos identificam pontos de poluição no Rio Jaraguá

Segundo o presidente da Fujama, Normando Zitta, este trabalho faz parte do Programa de Qualidade da Água e visa identificar os pontos não conformes no que tange esgotos clandestinos, pontos de erosão, lixo às margens e falta de vegetação ciliar

03/10/2019

Por

Técnicos identificam pontos de poluição no Rio Jaraguá

A Administração Municipal, por meio da Fujama e Diretoria de Proteção e Defesa Civil, com o apoio do Clube de Canoagem Kentucky – está realizando o levantamento das condições de lançamento de efluentes industriais e residenciais no Rio Jaraguá.

Segundo o presidente da Fujama, Normando Zitta, este trabalho faz parte do Programa de Qualidade da Água e visa identificar os pontos não conformes no que tange esgotos clandestinos, pontos de erosão, lixo às margens e falta de vegetação ciliar.

O dirigente destaca que esta etapa é fundamental para que sejam tomadas as devidas ações de controle e combate à poluição. Nesta fase foram percorridos 8.300 metros e identificados em torno de 80 pontos que de acordo com Zitta, merecem atenção especial.

Já para o fiscal Ambiental da Fujama, Luis Carlos Stephani, “esta ação difere das ações tradicionais de fiscalização, pois nela, é possível ter um olhar diferenciado com a possibilidade de coleta de amostras (e ensaios laboratoriais) no ponto exato de lançamento para posterior notificações/autuações e correção dos problemas”.

Para a gerente de Licenciamento e Projetos Ambientais da Fujama, Fernanda Bachmann, no geral, as águas do Rio Jaraguá apresentam-se boas, mas ações como estas inibem as irregularidades e dão subsídios para a tomada de ações pela Fujama. As principais (aproximadamente 75%) não conformidades encontradas, tratam-se de lançamento de esgoto irregular no rio e rede de drenagem.

Notícias relacionadas

x