Jaraguá

Atendimentos da Rede Feminina de Jaraguá foram limitados em 2020 por conta da pandemia

Em 2019, a Rede Feminina de Jaraguá do Sul realizou 4.083 atendimentos preventivos

23/09/2021

Por

Atendimentos da Rede Feminina de Jaraguá foram limitados em 2020 por conta da pandemia

Divulgação

Em 2019, a Rede Feminina de Jaraguá do Sul realizou 4.083 atendimentos preventivos; 34 mulheres foram encaminhadas para a oncologia com suspeita de câncer de útero; 30 foram encaminhadas com suspeita de câncer de mama; e 128 encaminhadas para a mastologia.

Em 2020, os números ficaram abaixo do esperado por conta da pandemia da Covid-19 que limitou as atividades. Foram 1.980 atendimentos preventivos; 20 mulheres encaminhadas com suspeita de câncer de útero; 30 com suspeita de câncer de mama e, 84 encaminhadas para a mastologia.

Em 2021, já foram 1.909 preventivos; 13 suspeitas de câncer de útero; 20 suspeitas de câncer de mama; e 119 foram para a mastologia.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), em 2019, no Brasil, foram mais de 110 mil mortes de mulheres por todos os tipos de cânceres; 18.068 delas morreram por conta do câncer de mama, sendo o tipo de câncer mais letal em mulheres. O segundo, por exemplo, é o câncer em traqueia, brônquios e pulmões, com mais de 12 mil mortes.

“Sabemos que não é um trabalho fácil, então fazemos esse apelo à comunidade para aderir à campanha, adquirir as camisetas e ajudar”, convocou a vereadora Nina. Sirley Schappo advertiu que os números relacionados ao câncer são altos porque ainda falta conscientização sobre a importância de fazer os exames preventivos e estar sempre alerta para o problema.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x