Jaraguá

Campanha hepatite zero tem ação sábado no Shopping Center de Jaraguá

Em Jaraguá do Sul, foram notificados 269 casos de hepatites virais B e C nos últimos 5 anos

05/08/2022

Por

Campanha hepatite zero tem ação sábado no Shopping Center de Jaraguá

Divulgação/PMJS

A Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, está realizando a Campanha Jaraguá Hepatite Zero, que conta com várias iniciativas de conscientização sobre a doença. De ontem até o dia 6 de agosto, das 10h às 20h, acontece uma ação pontual da Saúde no L1 do Jaraguá do Sul Park Shopping, com o objetivo de alertar e informar sobre o problema das hepatites virais.

No local estão sendo feitos testes rápidos e vacinação adulta (rotina + Covid), que são duas importantes estratégias de prevenção e que contribuem para o controle da disseminação do vírus.

Na manhã de quinta-feira (4), o prefeito Jair Franzner foi até o local onde está ocorrendo a ação no Shopping. Ele conversou com a equipe que está atendendo, recebeu informações sobre a doença e aproveitou para fazer o teste rápido. De acordo com Franzner este tipo de mobilização é importante porque além de incentivar os cuidados com a saúde, também leva os serviços oferecidos pela Prefeitura até o cidadão.

Hepatite tem vacina, tratamento e também cura

A hepatite B tem vacina e tratamento, a hepatite C tem cura. O teste rápido, em uma única coleta, além de testar para hepatites B e C também testa para sífilis e HIV, que são outras duas infecções. “A testagem é o primeiro passo para uma pessoa saber se tem alguma dessas infecções ou não”, completa Leniria.

Como parte da Campanha, além dos dias de testagem e vacinação, está sendo realizada uma gincana no período entre os dias 1/08/22 e 31/08/22, com a participação de todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e os demais pontos da rede que realizam a testagem do município.

Hepatites Virais B e C 

Em Jaraguá do Sul, foram notificados 269 casos de hepatites virais B e C nos últimos 5 anos (2017-2021). Em todos os anos analisados há uma predominância do vírus B nos casos notificados (66,2%). Em relação ao sexo, ambos os vírus são predominantes no sexo masculino em todos os anos analisados, sendo 64,0% dos casos notificados de hepatite B e 65,9% de hepatite C.

No período analisado, a hepatite B é mais frequente na faixa etária dos 40 aos 49 anos e a hepatite C na faixa etária dos 50 aos 59 anos. A forma clínica predominante em ambas as hepatites virais é a crônica, aparecendo em 97,3% dos casos notificados.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x