Mundo

Cirurgiões em Nova York anunciam o primeiro transplante de olho do mundo

Antes desse procedimento pioneiro, os médicos só faziam transplante de córnea, a camada frontal transparente do olho.

09/11/2023

Por

Estudante da 5ª fase de Design, curiosa por natureza e apaixonada pelo que faz.

Cirurgiões de Nova York anunciaram nesta quinta-feira (9) a realização do primeiro transplante de olho inteiro em um ser humano. Antes desse procedimento pioneiro, os médicos só realizavam transplante de córnea, a camada frontal transparente do olho.

Nos seis meses desde a cirurgia, realizada durante um transplante de face parcial, o olho enxertado mostrou sinais importantes de saúde, incluindo vasos sanguíneos funcionando bem e uma retina de aparência promissora, de acordo com a equipe cirúrgica da NYU Langone Health.

“O simples fato de termos transplantado um olho é um grande avanço, algo que foi pensado durante séculos, mas nunca foi realizado”, disse Eduardo Rodriguez, que liderou a equipe.

 

O paciente, Aaron James, é um veterano militar de 46 anos do Arkansas que sobreviveu a um acidente elétrico de alta tensão relacionado ao trabalho, que destruiu o lado esquerdo do rosto, o nariz, a boca e o olho esquerdo.

 

 

Inicialmente, os médicos planejavam incluir o globo ocular como parte do transplante facial por razões estéticas.

“Se ocorresse alguma forma de restauração da visão, seria maravilhoso, mas o objetivo era que realizássemos a operação técnica e que o globo ocular sobrevivesse”, disse Rodriquez.

 

Atualmente, o olho transplantado não se comunica com o cérebro através do nervo óptico. O transplante de um globo ocular viável abre muitas novas possibilidades, mesmo que a visão não seja restaurada neste caso.

Aaron James recebeu o primeiro transplante de olho inteiro — Foto: NYU LANGONE via Reuters

Aaron James recebeu o primeiro transplante de olho inteiro — Foto: NYU LANGONE via Reuters

Outras equipes estão desenvolvendo formas de ligar redes de nervos no cérebro a olhos cegos através da inserção de elétrodos, por exemplo, para permitir a visão.

“Se pudermos trabalhar com outros cientistas que estão trabalhando em outros métodos para restaurar a visão ou restaurar imagens do córtex visual, acho que estaremos um passo mais perto”, disse Rodriguez.

James, que manteve a visão do olho direito, sabia que talvez não recuperasse a visão do olho transplantado.

“Eu disse a eles: ‘mesmo que eu não consiga ver… talvez pelo menos todos vocês possam aprender algo para ajudar a próxima pessoa’. É assim que você começa. Espero que isso abra um novo caminho”, disse.

 

Rodriguez não descarta a possibilidade de o veterano militar recuperar a visão do olho transplantado.

“Não creio que alguém possa afirmar que verá. Mas, da mesma forma, eles não podem alegar que ele não verá”, disse Rodriguez. “Neste ponto, acho que estamos muito felizes com o resultado que conseguimos alcançar com uma operação muito exigente tecnicamente.”

Cirurgiões em Nova York anunciam o primeiro transplante de olho do mundo

A cirurgia durou aproximadamente 21 horas e contou com uma equipe de mais de 140 cirurgiões, enfermeiros e outros profissionais de saúde — Foto: JOE CAROTTA / NYU LANGONE STAFF

A cirurgia durou aproximadamente 21 horas e contou com uma equipe de mais de 140 cirurgiões, enfermeiros e outros profissionais de saúde — Foto: JOE CAROTTA / NYU LANGONE STAFF

 

Fonte: G1

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVonline

Notícias relacionadas

x