Sem categoria

Eleições 2020, adiar ou manter o pleito? Confira o que os vereadores de Jaraguá pensam sobre o assunto

Adiar as eleições pode servir de socorro nas contas públicas

08/06/2020

Por

Eleições 2020, adiar ou manter o pleito? Confira o que os vereadores de Jaraguá pensam sobre o assunto

Em tempos de Covid, tudo é incerto, inclusive até as eleições podem ser adiadas. Adiar as eleições pode servir de socorro nas contas públicas, inclusive, no mês passado, a União dos Vereadores do Brasil – UVB, atendendo solicitação da União dos Vereadores de Santa Catarina – UVESC e outras 14 entidades representativas de vereadores de outros estados da federação, lançou uma carta ressaltando a posição dos representantes, que através de uma live se manifestaram favoráveis ao uso do fundo eleitoral para ações nas áreas da saúde, educação e desenvolvimento econômico, assim como, defendem o adiamento das eleições em 2020. Além disso, se propõe que ao serem adiadas as eleições deste ano, na próxima elas sejam unificadas, sem a possibilidade de reeleição.

Mas e os vereadores de Jaraguá do Sul, o que pensam a respeito? A reportagem do JDV ouviu a maioria e a resposta é consensual: são favoráveis ao adiamento, confira as justificativas:

Isair Moser (MDB)

“Sou a favor de eleições únicas. Mas o adiamento não muda o cenário para candidatos. Agora se for devido agravamento da pandemia aí sim sou a favor do adiamento. Porque uma campanha não se resume somente em época de eleições, a política é dinâmica e temos que estar em campanha diariamente e em tempo integral”.

 

Marcelindo Gruner (PTB)

“Eu tenho dois pontos de vista em relação a isso, se a pandemia for controlada, as eleições devem acontecer em outubro, como manda a lei, se não houver controle sobre a pandemia, aí sim, as eleições devem ser adiadas”.

Anderson Kassner (PP)

“Sou a favor de adiar as eleições com medidas responsáveis que sejam tomadas para evitar aglomerações e, consequentemente, a disseminação do Coronavírus também no dia das eleições. Sou a favor de realizar a eleição sem o fundo eleitoral, esses recursos financeiros precisam ser transferidos para a saúde”.

 

Eugênio José Juraszek (PP)

Foi procurado pela reportagem, mas não quis se pronunciar sobre o assunto. 

Ronaldo de Souza (PSD)

“Por considerar um ano de muitas dificuldades econômicas por questões dessa pandemia que o mundo inteiro vem enfrentando e por considerar que não deveríamos usar dinheiro público, em campanhas políticas, e sim em educação, saúde, habitação sou totalmente a favor de um alinhamento nas eleições de 2020”.

 

Pedro Garcia (MDB)

Não respondeu ao contato.

 

Notícias relacionadas

x