Schroeder

Grupo Schroederland mantém o legado da tradição há três décadas

Para manter o trabalho atrativo durante esse tempo, existe todo um suporte nos bastidores

04/10/2022

Por

Ao celebrar 30 anos, o Grupo Folclórico Schroederland revela uma história em que a dança se torna a expressão máxima da tradição e dos costumes germânicos, festejando o legado dos colonizadores de Schroeder e região. Segundo a diretora de Cultura Neiva Plantikow, o grupo foi criado com o intuito de preservar a cultura dos imigrantes alemães, das brincadeiras de rodas e danças típicas.

 

Ela explica que este não é um grupo isolado, mas faz parte de uma categoria existente em vários municípios de Santa Catarina e até em outros estados do Brasil. “Muitos dos schroedenses adultos de hoje, já passaram pelo Schroederland e, agora, veem seus filhos participando do grupo. Muitas famílias fazem questão de que seus filhos participem, pois, além de ser uma atividade cultural saudável, também ensina diversos valores, como a socialização e a independência com disciplina”, comenta Neiva.

 

NOVIDADES – Para manter o trabalho atrativo durante três décadas, existe todo um suporte nos bastidores. De acordo com a diretora de Cultura, anualmente acontece um encontro de coordenadores e professores do folclore alemão, em Gramado, para troca de experiências e capacitação das pessoas diretamente envolvidas, como o professor Rudinei Schroeder, coordenador do Schroederland Vollkstanzgruppe, que sempre tem novos passos para ensinar aos alunos.

Neiva ressalta que a administração do prefeito Felipe Voigt acredita na importância do folclore alemão no município e sua continuidade. Pensando nisso, em sua primeira gestão, ele criou o cargo de coordenador de Danças Folclóricas e o professor Rudinei, que esteve à frente do grupo desde a sua criação, foi efetivado através de concurso público.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x