Educação

Parque de Eventos Alfredo Pasold de Schroeder vai ganhar parquinho através de projeto Proesde do governo

Ao todo, serão desenvolvidos cerca de 160 projetos no território catarinense

20/08/2021

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Parque de Eventos Alfredo Pasold de Schroeder vai ganhar parquinho através de projeto Proesde do governo

O governo de Santa Catarina vai investir até R$ 73 milhões em bolsas universitárias com o objetivo de executar projetos de intervenção nos municípios catarinenses. 

Leia mais

Os recursos são aplicados no Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional (Proesde), iniciativa que neste ano já beneficia mais de três mil estudantes universitários no estado.

Ao todo, serão desenvolvidos cerca de 160 projetos no território catarinense, criados em parceria com os estudantes e as instituições de ensino superior.

De acordo com o governo, uma das ações que está em fase prática é desenvolvida em Joinville e tem como objetivo aperfeiçoar espaços públicos de recreação infantil, usando equipamentos sustentáveis do norte do estado. 

O projeto vai implantar um parquinho no bairro Jardim Paraíso, em Joinville, e outro no Parque de Eventos Alfredo Pasold, em Schroeder. 

A professora do curso de Engenharia Civil e coordenadora dos projetos do Proesde na universidade, Carine Cardoso, conta que os estudantes passaram por uma formação teórica e explica quais serão as próximas etapas do projeto.

“Nós iniciamos o reconhecimento de campo, a visita ao local, e na sequência vamos fazer um contato com a comunidade, apresentar nossas ideias e ouvir as contribuições dos moradores. Os bolsistas estão muito engajados e cada um contribui com seus conhecimentos. Além de executar a praça, estamos desenvolvendo o site sobre o projeto e vamos fazer palestras orientativas sobre o uso do espaço.”

Entre as propostas estão ações de cidadania para contribuir com o enfrentamento da Covid-19, intervenções políticas e sociais de combate à violência contra crianças e adolescentes, melhorias em espaços públicos e equipamentos comunitários, ações de saúde e sustentabilidade, entre outros. 

O programa tem ainda como objetivo criar estudos para melhorar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de municípios catarinenses. 

Segundo a portaria com os regramentos do Proesde, 50% do orçamento do programa devem ser aplicados em projetos de intervenção que beneficiem os 50 municípios com menor IDH do Estado.

As inscrições para o Proesde no segundo semestre vão até o próximo dia 23 de agosto e são realizadas diretamente no site do Programa de Bolsas Universitárias de Santa Catarina (Uniedu). O prazo é o mesmo para estudantes que precisem atualizar seus cadastros no programa.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x