Brasil

PGR dá parecer contrário a pedido de suspensão de posse de deputados

Advogados haviam recorrido ao STF com pedido de suspensão da diplomação de 11 deputados supostamente envolvidos nos ataques de 8 de janeiro

28/01/2023

Por

Editora, analista SEO e responsável pelo conteúdo que escreve. Atenta aos conteúdos mais pesquisados do país.

A Procuradoria-Geral da República encaminhou neste sábado, 28, ao Supremo Tribunal Federal (STF), parecer contrário ao pedido de suspensão da posse de 11 deputados supostamente envolvidos nos atos golpistas de 8 de janeiro. Um grupo de advogados havia recorrido à Corte sob a alegação de que mensagens difundidas nas redes sociais dos parlamentares incitavam os atos antidemocráticos que culminaram na depredação do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do próprio STF.

Na mira dos advogados estavam os deputados eleitos Nikolas Ferreira (PL-MG), Silvia Waiãpi (PL-AP), Carlos Jordy (PL-RJ), Luiz Ovando (PP-MS), Marcos Pollon (PL-MS), Rodolfo Nogueira (PL-MS), João Henrique Catan (PL-MS), Rafael Tavares (PRTB- MS), André Fernandes (PL-CE), Sargento Rodrigues (PL-MG) e Walber Virgolino (PL-PB). O caso é relatado pelo ministro Alexandre de Moraes, que centraliza em seu gabinete pelo menos oito inquéritos relacionados ao dia 8 de janeiro, incluindo investigações sobre financiadores, autores intelectuais e a participação do governador afastado do Distrito Federal Ibaneis Rocha e do ex-ministro da Justiça Anderson Torres nos episódios.

A despeito do parecer contrário do MP, Silvio Waiãpi e André Fernandes, por exemplo, já respondem a inquérito específico aberto após os atos de vandalismo do dia 8. Nikolas Ferreira, por sua vez, teve suas contas em redes sociais temporariamente suspensas por ordem do ministro Alexandre de Moraes após espalhar fake news. Ferreira já recuperou o acesso às plataformas.

Conteúdo postado por VEJA

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVDigital

Notícias relacionadas

x