Corupá

Presidente do Legislativo de Corupá conhece realidade da Delegacia de Polícia

Outras duas situações também preocupam e chamaram atenção de Bernadete: a falta de computador e a necessidade de instalação do Procon em Corupá

24/06/2021

Por

A presidente da Câmara de Vereadores de Corupá, Bernadete Correa Hillbrecht, visitou a Delegacia de Polícia Civil a convite do Agente de Polícia, Toni Roberto Isperling, nomeado responsável pela Delegacia. A intenção foi saber as condições de trabalho em termos de infraestrutura e pessoal.

Leia mais

Entre as necessidades constatadas e relatadas está a de pessoal. A delegacia tem quatro servidores, sendo dois efetivos do estado, um cedido pela Prefeitura e um Policial Militar da reserva, sendo necessários mais policiais civis concursados para agilizar o serviço. O prédio da Delegacia necessita de reforma, que deve ser viabilizada com recursos do convênio entre Município e Estado.

Com uma média de 30 medidas protetivas por ano, Toni destacou a necessidade de ter em Corupá ou na região, uma Casa Abrigo, onde possam ficar as mulheres que necessitam de afastamento temporário do lar devido a ameaças dos companheiros ou familiares.

Outras duas situações também preocupam e chamaram atenção de Bernadete: a falta de computador e a necessidade de instalação do Procon em Corupá. O computador com webcam é para agilizar os procedimentos policiais em tempos de pandemia, em termos de depoimentos, sem a necessidade da carta precatória.

Já a instalação do Procon, ajudaria na apuração, punição e ressarcimento das vítimas de golpes de estelionato na cidade, que atinge principalmente idosos, inclusive com a questão do empréstimo consignado sem autorização e os golpes por telefone e internet. Para a vereadora Bernadete, “são situações que precisam do apoio de todos os vereadores e da prefeitura e vamos fazer o que for preciso para ajudar”.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x