Cultura

Processo de beatificação do Padre Aloísio já completa seis anos

Responsável pela causa fala sobre o processo de canonização

25/06/2019

Por

Processo de beatificação do Padre Aloísio já completa seis anos

Após 13 anos de falecimento do Padre Aloísio Boieng e seis anos da abertura do processo de beatificação, aberto no dia 17 de maio de 2013, na catedral de Joinville, muitos se perguntam como será que está o processo de canonização do servo de Deus. Pensando nisso, o JDV foi conversar com a responsável por este processo, a irmã Edena Maria Bittencort, da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Jaraguá do Sul.

Segundo a irmã, toda documentação foi encaminhada pra Roma em 2015, mas o Vaticano, após receber os documentos, solicitou que as entrevistas feitas com amigos e familiares que conviveram com o padre Aloísio fossem traduzidas para o italiano.  Ao todo foram 35 entrevistas. “O processo foi enviado em 2015, mas o vaticano solicitou que traduzíssemos todas as entrevistas para o italiano, o que acaba demorando ainda mais o processo, mas faz parte”, comenta a irmã.

Agora o processo está na fase romana aguardando a comprovação das virtudes heroicas e assim que comprovadas estas virtudes o padre se tornará venerável. De acordo com a irmã Edena, as virtudes heroicas são qualidades, como humildade, caridade e obediência vivenciadas em sua forma mais perfeita. “As virtudes heroicas são aquelas vividas de um modo mais perfeito, como no caso do Padre Aloísio que mesmo diante de tantas dificuldades permaneceu humilde, sempre foi obediente mesmo diante dos desafios, e na questão da caridade, por exemplo, o padre vivia o amor fraternal de um modo extraordinário”, afirma.

Irmã Edena explica ainda que infelizmente não há um prazo para o fim do processo, tudo depende da demanda de trabalho do vaticano e que no momento só resta aguardar. Para ela, uma das formas que a comunidade tem de ajudar neste processo é rezando pela causa da beatificação e pedindo intercessão do padre Aloísio para que aconteça um milagre, pois este é um dos pontos mais importantes para a beatificação, a comprovação de um milagre. “Nós temos muitos relatos de graça alcançada através do Padre Aloísio, então estamos estudando essas graças na busca de um possível milagre para a comprovação”, atesta.

Todos os dias 17 de cada mês há missa pela beatificação do Padre Aloísio, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário às 7h, às 15h e às 20h. Nos sábados e domingos às 19h.

Notícias relacionadas

x