Educação

Projeto que transforma ideias em negócios tem apoio da Secretaria de Inovação

O objetivo da pré-incubação é transformar o conhecimento tecnológico em novos produtos, processos ou serviços para serem explorados no mercado

07/02/2020

Por

Projeto que transforma ideias em negócios tem apoio da Secretaria de Inovação

Promover a cultura do empreendedorismo e da inovação é uma das tarefas da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação da Prefeitura, que está apoiando o Projeto Nascer, para negócios inovadores, via apoio tecnológico e de pesquisa no Centro de Inovação Novale Hub. O objetivo da pré-incubação é transformar o conhecimento tecnológico em novos produtos, processos ou serviços para serem explorados no mercado. Quinze cidades catarinenses, consideradas polos regionais, terão turmas em Santa Catarina.

Para participar, é preciso ter 18 anos ou mais e uma boa ideia de negócio ou inovação de processo em mente, segundo o gerente de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Newton Gilberto Solamon. Outra necessidade é que o projeto de negócio tenha envolvimento de duas ou mais pessoas. Não é possível inscrever um projeto individualmente. “Jaraguá do Sul terá até 20 projetos selecionados nesse primeiro semestre. Essas pessoas terão encontros no Centro de Inovação e receberão assessoria para desenvolver suas ideias, para fortalecer mais ainda o ecossistema de inovação”, informa Solamon. Para participar, os interessados devem se inscrever por meio do endereço eletrônico http://cocreationlab.com.br/editais/.

Idealizador comandará workshop

Para saber mais dos objetivos, de como funciona e de quem pode participar será organizado em Jaraguá do Sul um workshop neste sábado, dia 8, das 9 às 11 horas, no Senai, gratuito e aberto a todos os interessados. Quem vai explicar o projeto será o próprio idealizador da metodologia TXM, o professor Luiz Salomão Ribas Gomez, da Universidade Federal de SC.

“Há, em Florianópolis, diversas incubadoras e aceleradoras de startups, mas a maioria dos projetos que chegava nesse estágio ainda não tinha maturidade suficiente para ser acelerado”, conta Gomez. Ele percebeu esse problema e concluiu que era preciso atuar num momento anterior, que é quando a pessoa identifica a oportunidade, mas ainda precisa percorrer um caminho até transformá-la em um negócio viável. Foi nesse processo que nasceu o modelo atual do projeto. As propostas selecionadas receberão acompanhamento por cinco meses, gratuitamente.

Notícias relacionadas

x