Cultura

Rei do Tiro ao Alvo e Rainha do Bolão: Uma Jornada pela herança germânica em Blumenau

Rei do Tiro ao Alvo: Na vasta tapeçaria cultural que é Blumenau, um evento destaca-se como um farol da herança germânica que permeia a região

01/03/2024

Na vasta tapeçaria cultural que é Blumenau, um evento destaca-se como um farol da herança germânica que permeia a região: o “Rei do Tiro ao Alvo e Rainha do Bolão”. Esta celebração anual, realizada pelo Clube Caça e Tiro Itoupava Rega, não é apenas um encontro esportivo, mas uma verdadeira jornada pelas tradições e valores transmitidos ao longo dos séculos pela comunidade de ascendência alemã.

 

É um momento em que as gerações se unem para honrar suas raízes, competindo com destreza e camaradagem, enquanto preservam e fortalecem o rico legado cultural que moldou a identidade desta cidade encantadora. Nesta redação, exploraremos os detalhes e significados por trás deste evento emblemático, mergulhando na essência vibrante e na história que o permeia.

 

rei

No Brasil, o fenômeno da imigração alemã atingiu uma marca notável em 13 de janeiro, completando 200 anos de presença em solo brasileiro. Em Santa Catarina, em março, comemora-se os 195 anos da chegada dos alemães, considerando a fundação da primeira Colônia Alemã, São Pedro de Alcântara. Este ano também marca o 161º aniversário da chegada da imigração pomerana.

 

Todas essas datas têm um significado profundo ao contextualizar a fundação do Clube Caça e Tiro Itoupava Rega, em 1898, que continua em plena atividade, mantendo vivas suas tradicionais festas de tiro ao alvo (königfest) e bolão (kegelfest).

rei

Em um domingo da estação de verão com chuva, 25 de fevereiro de 2023, às 10h, no território de Itoupava Rega, distrito de Vila Itoupava, o Clube de Caça e Tiro Itoupava Rega realizou sua festa anual “Rei do Tiro ao Alvo e Rainha do Bolão”. Este evento não só celebra a cultura germânica, mas também é um testemunho vivo da tradição na região. Além das competições para adultos, houve também concursos para crianças, nas categorias infantil e infantojuvenil.

 

As majestades da Estação de Verão de 2023 foram anunciadas da seguinte forma: no Departamento Masculino, o rei foi Adriano Rech, acompanhado pelos cavalheiros Uvo Ott e Cristiano Kostetzer. Já no Departamento Feminino, a Rainha foi Arlete Sievert, tendo como 1ª princesa Michele Neumann e como 2ª Princesa, Adriana Lüdtke Fritzke.

 

É importante destacar sobre o rei que ele é herdeiro da tradição cultural do schützenverein. Adriano Rech, residente em Joinville, no bairro Vila Nova, na área da Estrada Anaburg, acompanha desde a infância seu pai, Longuinho Rech, em eventos de tiro ao alvo. Juntos, participavam ativamente em sociedades como a Pirai, Rio da Prata, Dona Francisca e Mildau (extinta).

 

A participação de Adriano no evento marcou uma união celebrativa da cultura germânica, ligando duas importantes cidades do estado: Joinville e Blumenau. Essa conexão não é apenas simbólica. Remonta ao século XIX, por volta dos anos 50, quando o engenheiro Carl August Wunderwald pioneiramente explorou uma rota através de trilhas, conectando as colônias de Dona Francisca e Hermann Bruno Otto Blumenau.
A rainha, Arlete Sievert, residente da Estrada Itoupava Rega, é uma participante ativa nas atividades sociais e culturais da região.

 

HOMENAGEM E CELEBRAÇÃO

 

Alison Laube, comandante de marcha, conduziu a ritualística folclórica de busca das majestades. Valmor Lenfers, porta bandeira do clube, representou a tradição da entidade. A equipe de alimentação, liderada por Elvira Kressin, ofereceu um almoço típico com culinária regional, incluindo carnes assadas na grelha (frango, bovina e suína), acompanhamentos diversos e sobremesa de sorvete.

 

Na sessão de homenagem, após o término foi apresentada o quadro da nova diretoria do Salão Zimdars, 2024/2025: Renato Rüdeger, presidente; Rui Sievert, vice-presidente; Lisandra Bauer, 1ª tesoureira; Iraci Rüdeger, 2ª tesoureira; Patrícia Bauer, 1ª secretária; Altino Bauer, 2º secretário; Tarcisio Aldir Fritzke, Arlete Sievert e Renaldo Schuh, conselheiros fiscais; Horst Ivo Manske e Rosina Lüdtke Bauer, ambos suplentes de conselheiros fiscais; Alison Laube, comandante; Lisandra Bauer, suplente de comandante; Valmor Lenfers, porta bandeira e Renaldo Schuh, suplente de porta bandeira.

 

A Musik Kapelle – Musical Estrela de Ouro de Rio Cerro II, Jaraguá do Sul, abrilhantou o evento com músicas folclóricas germânicas e do patrimônio nacional. Em dado momento, o músico do instrumento de bandoneon, Márcio Borchardt, juntou-se ao grupo de músicos do Musical Estrela de Ouro, para ampliar o leque das músicas folclóricas.

 

À medida que a poeira dos eventos esportivos assenta-se e o eco das músicas folclóricas se desvanece, podemos refletir sobre o que realmente torna o “Rei do Tiro ao Alvo e Rainha do Bolão” tão especial. Além da competição e da diversão, este evento é uma homenagem viva à rica herança germânica que permeia Blumenau e região. Através do tiro ao alvo e do bolão, os participantes não apenas demonstram habilidade e destreza, mas também celebram uma tradição que foi passada de geração em geração.

 

É um testemunho do orgulho e da conexão profunda com as raízes culturais, uma oportunidade de manter viva a chama da identidade germânica em meio ao mundo em constante mudança. Enquanto nos despedimos desta jornada anual, levamos conosco não apenas troféus e medalhas, mas memórias duradouras e um renovado apreço pela herança que nos une. Que o espírito deste evento continue a inspirar e unir as comunidades locais, preservando e promovendo a cultura germânica para as gerações futuras.

 

(Ademir Pfiffer – Historiador e Youtuber, para o JDV)

 

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVonline

Notícias relacionadas

x