Corupá

Santa Catarina reduz taxas de homicídio, furto e roubo

As cidades da região também tiveram redução no número de homicídios

07/07/2021

Por

Santa Catarina registrou os menores índices de criminalidade da série histórica. De 1º de janeiro até 30 de junho, o estado apresentou queda de 14% em roubos, 7,3% em furtos e 21% em homicídios. Foram 723 roubos, 3.452 furtos e 83 homicídios a menos, comparado com o mesmo semestre do ano passado. É o menor patamar de roubo e de furto desde 2010 e de homicídio desde 2008.

Leia mais

Os números fazem parte do boletim mensal divulgado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e refletem o investimento na área feito pelo governo Carlos Moisés. Foram destinados R$ 343 milhões à melhoria de viaturas, armamentos e sistemas de tecnologia.

A taxa de homicídios em Santa Catarina tem permanecido em queda. Neste último semestre, foram 312 registros contra 379 casos de janeiro a junho de 2008. Número que já chegou a 515 casos em 2017, comparado ao mesmo período.

Cidades da região reduziram pela metade os homicídios

Na região, de 2018 a 2020, Corupá foi a única cidade a não registrar homicídio, incluindo até junho deste ano. Guaramirim teve dois (2018), quatro (2019) e um (2020) e este ano, nenhum. Jaraguá do Sul registrou cinco homicídios (2018), cinco (2019), no ano passado foram três e este ano, até o dia 30 do mês passado, dois.

Massaranduba teve dois homicídios (2018), nenhum em 2019 e dois (2020) e um este ano. Schroeder, um (2018), um (2019), nenhum em 2020 e até junho deste ano. Guaramirim, Jaraguá do Sul e Schroeder registraram queda, comparando 2018 com 2020. Nesses cinco municípios foram seis homicídios em 2020, com dez no ano imediatamente anterior e dez também em 2018.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x