Estadual

Secretaria de Saúde divulga nota com dicas de prevenção contra covid-19 durante festas de fim de ano

Confira as medidas gerais para prevenção e proteção contra a Covid-19

22/12/2021

Por

Secretaria de Saúde divulga nota com dicas de prevenção contra covid-19 durante festas de fim de ano

Secom

Neste mês, a Secretaria de Saúde de Santa Catarina divulgou a nota informativa nº22 com recomendações sobre a adoção de protocolos de prevenção contra a covid-19 durante as festas de fim de ano. A Superintendência de Vigilância em Saúde manifesta na nota mais de dez medidas gerais para prevenção/proteção contra a covid-19, além de sinalizar o uso correto da máscara.

Confira as medidas gerais para prevenção e proteção contra a Covid-19:

1) Vacine-se contra a Covid-19. Fique atento ao número de doses e ao intervalo determinado para que tenha a imunização completa;

2) Fique atento à dose de reforço. Se já passou cinco (05) meses da última dose do esquema vacinal primário, está no momento de receber a dose de reforço;

3) Estimule a vacinação de seu círculo social (parentes e amigos) bem como colegas de trabalho;

4) Dê preferência para frequentar lugares e participar de eventos sociais que possuam espaços ao ar livre, bem ventilados e sem aglomerações. Os locais destinados à realização das comemorações natalinas e de fim de ano devem ser mantidos constantemente ventilados (janelas e portas abertas), e sempre que possível ao ar livre. Caso os ambientes tenham ar condicionado, este deve ser mantido com seus componentes limpos e com a manutenção preventiva em dia, sob responsabilidade de um profissional habilitado, adotando estratégias que garantam maior renovação do ar e maior frequência na limpeza dos componentes;

5) Use máscara de maneira adequada, cobrindo o nariz e boca, só retirando quando for se alimentar, sempre que não estiver comendo ou bebendo;

6) Tenha uma máscara limpa extra, para o caso de necessidade de troca (tempo de uso, umidade ou sujeira). Crie o hábito de carregar consigo sempre máscaras extras;

7) As aglomerações devem ser sempre evitadas e, caso não seja possível, manter uma distância segura (de no mínimo um metro) de outras pessoas ou grupo de pessoas. Não retire sua máscara;

8) Durante as viagens, o cuidado deve ser redobrado. Aeroportos, estações de ônibus, transporte público, postos de gasolina e paradas de descanso são considerados locais onde os viajantes podem ficar mais expostos ao vírus. As medidas de prevenção devem ser mantidas em tempo integral também durante as viagens, reforçando inclusive a higiene de mãos durante as paradas para eventuais lanches ou uso sanitário e também após o pagamento dos pedágios, além dos demais momentos que se fizer necessária.

9) Higienize as mãos com frequência durante os eventos, utilizando água e sabão ou álcool em gel 70%;

10) Não compartilhe objetos, como talheres ou copos, com outras pessoas;

11) Após tocar em objetos que estejam sendo compartilhados com outras pessoas (ex: utensílios para servir a comida, jarras e garrafas), lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel 70%;

12) Prefira frequentar ambientes e eventos onde o protocolo de “evento seguro” esteja instituído e autorizado pela autoridade competente;

13) Organize-se com antecedência para as compras de final de ano. Procure dias, horários e estratégias diferenciadas a fim de evitar aglomerações. Durante as compras mantenha o afastamento mínimo de um metro das outras pessoas, evite realizar compras em grandes grupos, leve sempre um frasco de álcool gel 70% para a higiene de mãos, evite tocar indiscriminadamente os produtos expostos e mantenha o uso de máscara;

14) Sempre que possível, os organizadores devem disponibilizar orientações visuais e/ou sonoras que lembre aos participantes as medidas sanitárias importantes para o controle da disseminação do vírus no ambiente, tais como: distanciamento entre as pessoas; higienização sistemática das mãos com álcool gel 70%; o uso obrigatório e constante das máscaras faciais de proteção; a importância da identificação precoce dos sinais e sintomas gripais; a limpeza e a desinfecção frequente das superfícies; a necessidade dos espaços serem mantidos arejados e ventilados; entre outros.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x