Estadual

Segunda dose de reforço contra Covid pode ser aplicada em idosos com 60 anos ou mais em Santa Catarina

As vacinas usadas podem ser Pfizer, AstraZeneca ou Janssen

20/05/2022

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Segunda dose de reforço contra Covid pode ser aplicada em idosos com 60 anos ou mais em Santa Catarina

Ricardo Wolffenbüttel/Secom

O Ministério da Saúde liberou ontem (19), a segunda dose de reforço contra Covid para idosos com 60 anos ou mais. 

De acordo com o site do governo, os municípios catarinenses que tiverem as vacinas em estoque foram orientados pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) a darem início à imunização deste público. 

A recomendação é que comece da maior faixa etária para a menor, ou seja, pelo idoso com 69 anos. 

A segunda dose de reforço deve ser aplicada com um intervalo de quatro meses após a primeira dose de reforço. 

As vacinas usadas podem ser Pfizer, AstraZeneca ou Janssen. 

Segundo o Ministério da Saúde, estudos mostram que a aplicação de mais uma dose de reforço aumenta em mais cinco vezes a imunidade uma semana após a aplicação.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp! 

Notícias relacionadas

x