Trânsito

Velocidade excessiva lidera ranking das infrações mais cometidas nas rodovias estaduais em 2022

Ao todo, foram realizadas 24.512 barreiras e 31.024 programações operacionais cumpridas.

01/02/2023

Por

Editora, analista SEO e responsável pelo conteúdo que escreve. Atenta aos conteúdos mais pesquisados do país.

Levantamento específico de atividades de fiscalização da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) aponta que em 2022 foram emitidas 357.552 autuações de trânsito nas rodovias estaduais de Santa Catarina.

O relatório aponta que foram abordados 345.841 veículos, sendo que, destes, 132.267 acabaram autuados e 8.477 tiveram de ser removidos. Os números também apontam que 4.516 CNHs também foram recolhidas.

Uma das principais causas de acidente é o excesso de velocidade, sendo que somente em 2022 a PMRv flagrou 145.954 veículos acima do limite de velocidade permitida pela via. Fato esse que também aponta a infração como uma das principais causas dos acidentes graves registrados em Santa Catarina.

Além dessas infrações, foram flagrados pelos policiais 4.020 pessoas que recusaram fazer o teste do bafômetro. Cento e cinquenta e cinco pessoas acabaram presas por embriaguez ao volante.

Confira abaixo quais foram as principais infrações de trânsito cometidas nas rodovias catarinenses no ano de 2022.

1ª) Transitar em velocidade superior a máxima permitida (excesso de velocidade) – 145.954 autuações
2ª) Deixar o condutor ou passageiro de usar o cinto de segurança – 33.867 autuações
3ª) Deixar de manter acesa a luz baixa, durante o dia, sob chuva, neblina, cerração ou em rodovia de pista simples fora do perímetro urbano – 22.927 autuações
4ª) Conduzir veículo com defeito no sistema de iluminação, sinalização ou lâmpadas queimadas – 20.476 autuações
5ª) Conduzir o veículo registrado que não esteja devidamente licenciado – 13.086 autuações
6ª) Ultrapassar pela contramão, linha de divisão de fluxo opostos, faixa contínua amarela – 9.327 autuações
7ª) Dirigir o veículo utilizando fones nos ouvidos conectados a aparelhagem sonora ou manuseando telefone celular – 6.700 autuações
8ª) Conduzir o veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança – 6.586 autuações
9ª) Dirigir sob a influência de álcool ou recusa ao teste do etilômetro – 5.351
10ª) Dirigir veículo sem possuir CNH ou Permissão para Dirigir – 4.873 autuações

 

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVDigital

Notícias relacionadas

x