Política

Lunelli x Döhler, quem leva a melhor na convenção do MDB?

A convenção será no sábado (23) a partir das 9h, no Auditório Deputada Antonieta Barros, na Assembleia Legislativa de SC

21/07/2022

Por

Lunelli x Döhler, quem leva a melhor na convenção do MDB?

Banco de dados JDV

É surreal. O MDB vai à convenção no sábado, 23 de julho, com dois candidatos ao governo do Estado já inscritos. De um lado Antídio Lunelli que renunciou à prefeitura em 2 de abril para concorrer como pré-candidato ao governo estadual. Teve a administração premiada com o melhor índice de gestão municipal do Estado e Jaraguá do Sul recebeu também o título de melhor município de médio porte do Brasil.

De outro lado, o ex-prefeito de Joinville, Udo Döhler, que se inscreveu na sexta-feira (15) para a convenção do MDB de Santa Catarina. O nome integra a majoritária como vice-governador em uma possível coligação com o atual dirigente estadual, Carlos Moisés.

A convenção será no sábado (23) a partir das 9h, no Auditório Deputada Antonieta Barros, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis. Udo foi conselheiro de Lunelli quando prefeito e era um defensor ferrenho da sua candidatura.

De repente foi convencido pelo MDB governista para disputar como vice-governador. E briga pelos votos dos convencionais com Antídio. O MDB está rachado da ponta dos pés ao último fio de cabelo.

Antídio tem reiterado que tem o incentivo e apoio das bases e da maior parte dos pré-candidatos que querem o partido como protagonista na disputa ao governo e não coadjutor. O mais bem votado será homologado como vencedor para representar o partido nas eleições de 2022 em Santa Catarina.

O ex-prefeito de Jaraguá do Sul tem convicção de que terá apoio da maior parte dos convencionais. Teria inclusive uma pesquisa interna confirmando isso.

Convencionais vão decidir o futuro do partido em Santa Catarina

O MDB realiza a convenção no sábado (23), das 9h às 15h, nas dependências da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis. Têm direito ao voto os delegados municipais homologados na última convenção municipal, titulares do diretório estadual, deputados federais e estaduais.

Serão escolhidos os nomes para a eleição majoritária e proporcionais inscritos 48 horas antes da realização do evento que vai agregar 541 votos, divididos em 458 de delegados municipais titulares — na ausência deles os suplentes, outros 71 de membros titulares do diretório estadual, nove dos deputados estaduais e três dos deputados federais.

Antídio tem percorrido o Estado na condição de pré-candidato. “Entrei na política porque carrego comigo o desejo e a convicção de que podemos construir um Estado mais forte e mais eficiente, solucionando demandas que há muito tempo são reivindicadas pela nossa sociedade. Com gestão, transparência, honestidade e valorização do dinheiro público, Santa Catarina estará preparada para um futuro melhor”, disse recentemente.

Entre as bandeiras, Lunelli defende a modernização da máquina pública, a diminuição da carga tributária, maior controle de gastos, aumento do percentual de investimento e qualidade na prestação de serviços.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

 

Notícias relacionadas

x