Variedades

Pode usar shampoo a seco todos os dias? Veja benefícios e riscos

Produto promete remover oleosidade e deixar os fios soltos, mas uso exige cuidados

13/11/2023

Por

Estudante da 5ª fase de Design, curiosa por natureza e apaixonada pelo que faz.

Na correria do dia a dia, um produto de beleza virou o queridinho da galera: o shampoo a seco! O produto em forma de spray, também disponível na versão condicionador, promete deixar os fios livres de oleosidade em instantes, dando aquele aspecto de cabelo novinho em folha desde a raiz.

 

Pode usar shampoo a seco todos os dias? Veja benefícios e riscos

Entre outros benefícios, o shampoo a seco também…

  • Elimina sujidades
  • Ajuda a dar volume aos fios
  • Pode funcionar como um fixador para penteados
  • Proporciona leveza e fios soltinhos

 

Mas nem só de vantagens é feito este item de beleza. Luciana Passoni, dermatologista e especialista em cabelos, destaca que ele também pode oferecer riscos se usado em excesso e da maneira errada.

O shampoo a seco, explica ela, deve usado como uma alternativa para quando estiver com pouco tempo para se arrumar, mas não substitui a lavagem tradicional.

“Seu uso em excesso, principalmente sem intercalar com a higienização devida, pode causar coceira e até dermatite devido ao acúmulo de substâncias, sujidades e produtos no couro cabeludo”, detalha.

 

Além disso, emendar seu uso com certa frequência pode ocasionar a dermatite seborreica, mais conhecida como caspa. Por isso, a médica recomenda lavar o cabelo em até dois dias após a aplicação do spray para evitar problemas.

Dicas extras:

  • Use o shampoo a seco, no máximo, duas vezes por semana
  • Mantenha a distância de, aproximadamente, 15 cm da raiz, e massageie o couro cabeludo
  • Cuidado com a quantidade de produto aplicado para não causar efeito rebote
  • Proteja os olhos durante a aplicação
  • Ao final, passe uma escova nos fios para tirar o acúmulo de produto

 

Dermatologista explica como escolher o melhor shampoo a seco e como usá-lo — Foto: Freepik

Dermatologista explica como escolher o melhor shampoo a seco e como usá-lo — Foto: Freepik

É nova no assunto? Passoni tem algumas orientações na hora de escolher a melhor opção para você: atente-se às necessidades dos seus fios, escolha produtos com ativos de refrescância, hidratação, controle de oleosidade e ação antioxidante (como a da vitamina E). Evite fórmulas com conservantes e metais para não prejudicar a saúde da pele ou sofrer alergias.

Mitos e verdades

 

Quem tem cabelo oleoso não pode usar shampoo a seco
Mentira! Basta se atentar para os componentes e escolher o produto que atenda às suas necessidades. Caso a pessoa tenha o cabelo bastante oleoso, a médica sugere “incluir um pré-shampoo, shampoo detox ou peeling nesta lavagem para potencializar a limpeza dos resíduos no couro cabeludo e fortalecer a barreira da pele na região”.

Não é recomendado o uso de secador ou prancha após a aplicação
Verdade! A médica explica que não é proibido, mas deve ser evitado. Isso porque o shampoo a seco nem sempre oferece proteção térmica e sua função é, exatamente, dispensar o uso destes aparelhos.

“Minha indicação é sempre usar primeiro um protetor térmico, depois a fonte de calor (secador/prancha) e, por último, se necessário, o shampoo a seco para arrematar a finalização. Mas usá-lo antes não traz um dano térmico extremamente maior do que o já gerado pelas ferramentas”.

 

Pode usar o shampoo a seco antes de dormir
Depende! A médica comenta que muitas pessoas ficam com os fios oleosos durante a noite. Nesse caso, o efeito do produto se perderia e seria necessária uma reaplicação no dia seguinte, “o que pode sobrecarregar o couro cabeludo, além de prejudicar a sua saúde e gerar uma aparência de fios pesados.”

Fonte: Globo

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? Participe do nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga nosso canal no youtube também @JDVonline

Notícias relacionadas

x