Geral

Cerca de 200 imóveis estavam sendo ocupados de forma irregular em Jaraguá do Sul

A vistoria constatou que além de moradores que não tinham direito à aquisição dos bens, foram identificadas irregularidades

28/05/2021

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Cerca de 200 imóveis estavam sendo ocupados de forma irregular em Jaraguá do Sul

Cerca duas centenas de unidades habitacionais, entregues pelo poder público de Jaraguá do Sul antes de 2013, estavam sendo ocupadas de forma irregular, informou o vereador Luís Fernando Almeida na sessão de terça-feira (26). O trabalho de fiscalização desses locais vem sendo realizado desde 2017 pela Diretoria de Habitação e Regularização Fundiária.

Leia mais

A vistoria constatou que além de moradores que não tinham direito à aquisição dos bens, foram identificadas irregularidades como uso de apartamentos como mercearia, casa de prostituição, bares e até ponto de uso e tráfico de drogas.

Em 2018 e 2019, conforme Almeida, a Diretoria de Habitação fez uma ação em parceria com a Polícia Militar para retirar essas pessoas de dentro dessas residências.

“Pessoas que perturbavam os outros moradores”, frisa.

A Caixa está retomando a propriedade de todos esses imóveis, que poderão ser oferecidos novamente para famílias que realmente precisam. Muitos imóveis terão de ser reformados, custeados pela prefeitura e colocados à disposição das famílias cadastradas em programas sociais.

A economia para os cofres públicos, afirma Almeida, será de R$ 22,239 milhões – que é o preço dos 200 imóveis.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x