Especiais

Jaraguá já conta com roteiro pedagógico em propriedades rurais

O projeto surgiu dentro da proposta de valorizar a produção rural do município dando mais oportunidade aos agricultores e oferecendo conhecimento sobre educação ambiental e alimentar à comunidade

08/02/2020

Por

Jaraguá já conta com roteiro pedagógico em propriedades rurais

“Os sabores, os saberes e os sons da roça” podem ser apreciados no projeto de turismo pedagógico Aprender no Campo, da Prefeitura de Jaraguá do Sul, que envolve as Secretarias de Educação, de Desenvolvimento Rural e Abastecimento e de Desenvolvimento Econômico e Inovação.

De acordo com o diretor de Turismo, Marcelo Schiochet Nasato, o projeto surgiu dentro da proposta de valorizar a produção rural do município dando mais oportunidade aos agricultores e oferecendo conhecimento sobre educação ambiental e alimentar à comunidade.

Dos 16 empreendedores rurais que participaram da formação de agroturismo oferecida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico em 2019, quatro se enquadraram no segmento de turismo pedagógico. Para Adriano Luiz Roik, gerente de Desenvolvimento Rural, auxiliar na busca da autossustentabilidade da agricultura familiar é importante para a economia de Jaraguá do Sul assim como também para comunidade.

A gerente de Ensino Fundamental, Iraci Müller, disse que oferecer essa alternativa para os professores é importante. “É um projeto muito bacana. Antes levávamos nossos estudantes a outras cidades para conhecer estruturas assim. É uma forma de os alunos aprimorarem seus estudos através da vivência no meio rural, conhecendo um pouco da realidade das pessoas que trabalham no campo, bem como mostrar a diversidade de atividades que ocorrem neste segmento”.

Quatro propriedades mostram a diversidade rural

As propriedades envolvidas no projeto oferecem várias atividades dentro do turismo pedagógico, como aulas sobre produção orgânica, trato dos animais, composto orgânico, trilhas ecológicas, produção artesanal, entre outras. Para Augusto Rux, da Casa Rux, que oferece também cafés coloniais aos sábados e aos domingos (retorno das atividades marcado para 7 de março), afirma que a parceria com poder público tem sido muito determinante para o desenvolvimento do setor.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Visitação

Sítio MM Orgânico – oferece aulas sobre produção orgânica e agroecologia. Atividades: produção de mudas, composto orgânico, trilha ecológica, contato com animais, lagoa com aves aquáticas, produção orgânica de peixes. Rio de água cristalina. Telefone: 98436-3317

Casa Rux – uma aula sobre a história da imigração alemã. Atividades: passeio de micro trator, produtos coloniais, artesanato, café rural, contato com diversos animais de pequeno, médio e grande porte, pomar, lagoa de peixes. Telefone: 3371-8364

Centro de Treinamento Hardt – aulas interativas sobre a origem dos cavalos, a utilização do animal pelo homem, demonstração da maneira correta de encilhar o cavalo, de tratar, passeio de carroça, horta, produção de leite e trilha ecológica. Telefone: 99951-0461

Recanto Novo Sentir – uma chácara familiar ecológica, espaço grande e gramado para brincadeiras, contato com pequenos animais e aves, manejo agroecológico, estufa com horta orgânica, plantas alimentícias, pomar, produção de composto biofertilizante, entre outros. Telefone: 99654-0907.

Notícias relacionadas

x