Geral

Vigilância Sanitária de Jaraguá do Sul aplicou 18 multas em 2020 em estabelecimentos que descumpriram as normas contra Covid-19

Em 2021, até o momento, foram aplicados 39 autos de infração e processos administrativos

22/04/2021

Por

Jornalista apaixonada por cultura e segurança pública

Vigilância Sanitária de Jaraguá do Sul aplicou 18 multas em 2020 em estabelecimentos que descumpriram as normas contra Covid-19

Para tentar conter o avanço da Covid-19, a Vigilância Sanitária de Jaraguá do Sul segue com ações de fiscalização das normas vigentes conforme publicado no decreto estadual nº 1.218/2021. 

Leia mais

Além de fiscalizar, os agentes fazem a lavratura de autos de infração em estabelecimentos que descumprem as medidas sanitárias e interdições quando necessário. 

Segundo a Assistente de Controle e Fiscalização da Vigilância Sanitária, Camila Vieira Sens, o foco principal das ações noturnas é verificar possíveis aglomerações, a disponibilização de álcool em gel, o uso de máscaras e se o estabelecimento está funcionando conforme o horário previsto no decreto. 

“Apesar dessas obrigações estarem bem divulgadas, algumas pessoas insistem em descumprir as normativas vigentes, não restando outra alternativa a tomar, a não ser as interdições e lavraturas de auto de infração”, salienta.

O descumprimento das normas de prevenção à Covid-19 é caracterizado como infração sanitária grave e pode gerar multa a partir de R$ 2 mil.

Em 2020 foram aplicadas 18 multas, em 2021, até o momento, 39 autos e processos administrativos.

O secretário de Saúde, Alceu Gilmar Moretti ressalta que a grande maioria respeita os decretos em vigor, o que é bastante positivo. Ele enfatiza que o objetivo é frear o contágio do coronavírus, por isso a importância de seguir as determinações e lembra que o momento ainda exige muita atenção. 

“A região norte-nordeste continua em risco gravíssimo segundo a classificação do estado, e os leitos hospitalares na região, tanto de UTIs, como de enfermaria Covid permanecem com capacidade máxima de lotação, então, não podemos facilitar”, alerta. 

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x