Geral

WEG 2021 – 60 anos construindo o nosso futuro: Energias renováveis

Em 2020, os destaques foram os sistemas de armazenamento de energia, a energia solar e a energia eólica

16/09/2021

Por

WEG 2021 – 60 anos construindo o nosso futuro: Energias renováveis

Divulgação/WEG

O segmento de energias renováveis está sendo fortemente impactado pela tendência global para diminuição de emissões de Gases do Efeito Estufa (GEE), pelos preços atuais, que tornam as novas tecnologias economicamente viáveis, e pela diversidade de fontes, o que aumenta a estabilidade do sistema e a disponibilidade de energia. Nesse segmento, a WEG é uma das pioneiras no Brasil. Em 2020, os destaques foram os sistemas de armazenamento de energia, a energia solar e a energia eólica.

Os sistemas de armazenamento de energia WEG possuem tecnologia fundamental para disseminar o uso de energia solar, eólica e outras renováveis de maneira sustentável, contornando problemas de aleatoriedade de disponibilidade, aumentando a eficiência de todo o sistema e reduzindo os impactos ambientais. Eles atuam na unificação, distribuição e ampliação da capacidade dos sistemas de geração distribuída, e são desenvolvidos de acordo com a demanda específica de cada projeto.

Com atuação consolidada como players no mercado de energia solar fotovoltaica no Brasil, a WEG é um dos principais fornecedores de produtos e soluções para usinas solares do país. Com toda essa experiência tecnológica, destaques da atuação WEG neste segmento em 2020 foram os contratos com a Nebras Power, empresa global de desenvolvimento e investimento em energia, e com a Canadian Solar, um dos maiores desenvolvedores de projetos de energia solar no mundo, para o fornecimento de eletrocentros Solares de 7,0 MW e 8,0MW.

A WEG começou a atuar no mercado de energia eólica nacional ainda na década de 1990, com o desenvolvimento e fornecimento de geradores e demais equipamentos para a geração elétrica. Foi uma das pioneiras no Brasil e não parou mais, principalmente por acreditar que energias renováveis são fundamentas para uma economia de baixo carbono, por isso segue investindo constantemente nesse segmento. Um dos principais é o desenvolvimento de uma nova plataforma de aerogeradores, disponível desde 2019 e que já comercializou 122 unidades. Além dessa nova plataforma, em 2021 a WEG deu início ao projeto de internacionalização dos negócios de energia eólica, com a instalação de um protótipo de aerogerador na Índia. O mercado indiano é um dos principais alvos da multinacional nesse sentido, por isso, ela investiu também na fábrica daquele país para permitir a produção local de aerogeradores para o mercado externo.

Confira o caderno especial dos 60 anos da WEG feito pelo JDV (clique aqui)

Texto: Carolina Veiga

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Notícias relacionadas

x